Justiça americana decreta a morte do LimeWire

A guerra contra a pirataria na rede acaba de fazer a sua última vítima. Uma corte de Nova York ordenou que a empresa que mantém o LimeWire remova do software as funcionalidades de busca, upload e download, o que significa, na prÁtica o fim do programa.  Fato que provavelmente não vai fazer mudar muita coisa, jÁ que a rede em que ele se conectava, a Gnutella, vai muito bem, obrigado.

LimeWire estÁ morto!

Sim, a ação derruba o LimeWire, notÁvel disseminador de pragas virtuais, mas mantém a rede – e consequentemente todos os softwares que fazem uso dela, como o clone open source FrostWire – ainda viva. No fim, esse parece mais um esforço da RIAA que darÁ pouco resultado. Afinal, alguém ainda usa o LimeWire? 

Assuntos
  • Redator: Alexandre Lunelli

    Alexandre Lunelli

    Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Alexandre é um entusiasta da fotografia, música, e demais áreas que não cansem muito. É fã da comunidade opensource, e sonha com um mundo mais bonito, igualitário e sem o trabalho, mal que corrompe a humanidade.

Você já começou a segurar suas compras de games e hardware pra se preparar para a próxima geração de consoles?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.