Morre um clássico: Sony enterra o Walkman de fitas k7

O avô dos players musicais de hoje em dia acaba de dar o seu adeus. A Sony informou que vai parar de produzir e distribuir o Walkman de fita cassete, após 30 anos de existência.

O último estoque foi enviado em abril deste ano e, uma vez esgotado, ninguém mais terÁ a chance de comprar um legítimo Walkman novinho, como aqueles que ficaram populares entre os anos 80 e 90.



Desde a criação do portÁtil, em 1979, até março deste ano, a Sony afirma ter vendido mais de 400 milhões de unidades no mundo inteiro, dos quais 200 milhões são modelos específicos para as fitas cassete. De acordo com o Crunchgear, a versão com CD continuarÁ a ser fabricada, assim como a moderna linha Walkman baseada em memória flash e forte concorrente do iPod no Japão.

Quem quiser relembrar a trajetória do Walkman, revolucionÁrio para a sua época, pode conferir um artigo publicado aqui no Adrenaline. O presente é dos players multimídia compactos, com enormes e variadas capacidades de armazenamento, uma nova era fortemente influenciada pelo iPod da Apple. Resta imaginar como todos nós escutaremos nossas músicas preferidas no futuro.

Assuntos
  • Redator: Risa Lemos Stoider

    Risa Lemos Stoider

    Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e gamemaníaca desde os 4 anos de idade. Já experimentou consoles de várias gerações e atualmente mantém uma ainda modesta coleção. Aliando a prática jornalística com a paixão pela tecnologia e os games, colabora com a Adrenaline publicando notícias e artigos.

Você já começou a segurar suas compras de games e hardware pra se preparar para a próxima geração de consoles?

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.