Créditos: Razer

Razer anuncia mouse wireless Viper Ultimate com tecnologia proprietária

Dispositivo chega com promessa de 99,6% de precisão de resolução e sensibilidade de 20.000 DPI

A Razer anunciou o seu novo mouse gamer sem fio Viper Ultimate, que chega com uma série de tecnologias proprietárias da companhia. Segundo o site Tom's Hardware, a promessa da companhia é de que o produto irá trazer novos padrões de precisão e de velocidade.

O produto vem com uma peça de hardware totalmente nova para a linha de mouses da companhia, o sensor óptico Razer Focus+. Ele traz o que a empresa chama de funções inteligentes, como é o caso do Smart Tracking.

Ainda de acordo com a fabricante, o recurso calibra automaticamente o sensor para funcionar em diferentes superfícies de suporte ao mouse. A peça de hardware foi desenvolvida em parceria com a Pixart para oferecer uma precisão de resolução de 99,6% com sensibilidade de 20.000 DPI e velocidade de rastreamento de 650 polegadas por segundo (inches per second ou IPS).

Site oficial: Razer Viper Ultimate

Fonte: Razer

Junto do Smart Tracking tem o Asymmetric Lift-Off, que permite determinar a distância da mesa máxima em que o mouse continuará rastreando sua posição após ser levantado pelo usuário. O mouse ainda tem a funcionalidade Motion-Sync, que garante que a informação do sensor seja enviada para o computador em intervalos exatos, permitindo uma maior consistência na rastreamento.

Fonte: Razer

Finalmente, há o recurso Razer HyperSpeed+. Essa é uma tecnologia proprietária que engloba diversos recursos para permitir que a conectividade wireless seja mais constante e confiável.

Fonte: Razer

Segundo a fabricante, o recurso foi certificado por padrões de Singapura para permitir que o mouse seja 25% mais rápido do que modelos anteriores, além da empresa prometer a menor latência a partir de cliques e a maior velocidade de transmissão.

Via: Toms Hardware
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os lançamentos problemáticos de games tem feito você evitar pré-compras?