Créditos: Divulgação/Remedy Entertainment

Epic Games Store pode ter investido 9 milhões de euros na exclusividade de Control

A empresa está disposta a investir alto para garantir que games cheguem primeiro à sua plataforma

Desenvolvido pela Remedy Entertainment, Control é um mais um dos games que chegou ao PC com exclusividade temporária na Epic Games Store. Aparentemente, para conseguir isso, a Epic investiu um valor considerável: segundo o analista de mercado Daniel Ahmad, da Niko Partners, a empresa pagou 9,49 milhões de euros à publicadora 505 Games como parte da negociação.

Um relatório divulgado pela Digital Bros mostra que o pagamento foi feito em junho deste ano, sendo que 55% do valor vai para a distribuidora. Não há referências a qualquer tipo de pagamento do tipo para a Sony ou para a Microsoft, o que reforça as informações de que isso fez parte do acordo de exclusividade.

No entanto, Ahmad afirma que não há informações relacionadas a outros aspectos envolvendo o game. Embora no PC Control tenha exclusividade com a Epic Games Store, parece que a Remedy Entertainment vai dar prioridade ao PlayStation 4 em relação a alguns DLCs, o que está relacionado a um acordo separado com a Sony.

Investimentos consideráveis

O relatório também revela o quanto de dinheiro a 505 Games recebeu do Steam, da PlayStation Network e da Nintendo pelas vendas digitais de seus games. A publicadora também relatou um crescimento bruto de 24,4% no setor de games, que teve uma diminuição de 5,3% com os custos de pessoal, especialmente devido ao fim do contrato com a Starbreeze resultante do desastre de OVERKILL’s The Walking Dead.

Fonte da imagem - Divulgação/Remedy Entertainment

Presumindo que as informações estão corretas, parece que a Epic Games realmente está disposta a investir pesado para garantir a exclusividade de alguns títulos. Contando com uma boa reserva financeira resultante do sucesso de Fortnite, a empresa tem ajudado diversos desenvolvedores com seus projetos, contanto que eles cheguem primeiro à sua loja — algo que tem desagradado bastante quem prefere concorrentes como o Steam.
 

Fonte: Daniel Ahmad/Twitter
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

Já comprou novamente um mesmo game em outra plataforma?