Créditos: Intel

Vazam benchmarks do processador Core i9-10900X com 10 núcleos e 20 threads

CPU baseada na geração Cascade Lake X deverá ter boost clock de 4.4GHz em todos os núcleos
Por Carlos Felipe Estrella 18/09/2019 15:45 | atualizado 19/09/2019 14:29 Comentários Reportar erro

O ainda não lançado processador Intel Core i9-10900X apareceu num teste de bechmark vazado, que mostra que ele deverá ter arquitetura de 10 núcleos e 20 threads. A publicação foi feita na plataforma Geekbench com uma torre customizada da Dell, a Precision 5820 Tower X-Series.

De acordo com o site WCCF Tech, a imagem sugere que a nova CPU da Intel teria um boost clock de 4.4GHz e que seria alcançado por todos os núcleos simultaneamente. No momento, especula-se que o processador está passando por uma fase de testes num laboratório de hardware.

O teste de benchmark foi rodado no Microsoft Windows 10 Pro (64-bits) e com 128GB de memória SDRAM DDR4 rodando a 1247MHz. Ainda segundo a publicação, a northbridge e a southbridge que são exibidas ali estão incorretas.

Na verdade, a plataforma Intel Skylake-X 07 com chipset X299 e socket LGA 2066 foram produzidas para a geração anterior de processadores. Para fechar a lista de especificações, o Intel Core i9-10900X deverá ter 32KB e cache L1, 1MB de cache L2 e 20MB de cache L3.

Enquanto isso, espera-se que a plataforma Comet Lake-S irá ser lançada no primeiro trimestre de 2020. A expectativa é de que ela traga processadores de alto desempenho com TDP de até 125W, frequências consideravelmente atlas e desbloqueio para overclock (ou seja, a série K). Eles ainda deverão utilizar o já extremamente maduro processo de produção de 14nm da Intel, que está sendo usado desde 2014 com a geração Broadwell.

Fonte: WCCF Tech

Via: WCCF Tech
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Já comprou novamente um mesmo game em outra plataforma?