Créditos: Reprodução/XDA Developers

Google TV pode receber suporte ao Stadia no final de 2020

O Android 12 seria o responsável por trazer o serviço à plataforma para TVs inteligentes
Por Felipe Gugelmin 16/09/2019 19:34 | atualizado 16/09/2019 19:34 Comentários Reportar erro

Anunciado oficialmente durante a Game Developers Conference 2019, o Google Stadia promete trazer jogos em alta qualidade para qualquer tela conectada à internet. No entanto, enquanto o suporte da nova plataforma já está confirmado para o Chromecast e os smartphones Pixel 3, quem tem uma Android TV pode ter que esperar um tempo um pouco maior por ele.

Detalhes de uma apresentação conduzida pela Google durante a International Broadcasting Convention, divulgados pelo site XDA-Developers, mostram os planos dela para sua plataforma de TV nos dois próximos anos. A princípio, durante o tempo de vida do Android 10 a empresa pretende melhorar as funcionalidades do Google Assistant e oferecer uma versão reformulada da Play Store.

Fonte da imagem - Reprodução/TechSpot

A companhia também estuda implementar novas maneiras de exibir conteúdos promocionais na tela inicial e durante o streaming de vídeos. É somente a partir do Android 11, que deve chegar próximo ao final de 2020, que ela deve trazer conteúdos relacionados a sistemas como o Google Lens, Google Camera e ao Stadia ao seu sistema para televisores inteligentes.

Planos vão até o Android 12

Os planos divulgados pelo XDA-Developers também incluem o Android 12, que seria responsável por diminuir um pouco a fragmentação do sistema Android TV e trazer recursos que exijam um processamento de hardware maior. O Stadia deve se beneficiar bastante nesse sentido, especialmente dado à promessa de que, a partir de 2020, ele deve oferecer jogos em resolução 4K com 60 frames por segundo.

Baseado somente no streaming, o Stadia não deve ser comparado a uma “Netflix dos games”, já que seu modelo de negócios envolve ter que pagar por cada título individual. Além do Chromecast, o serviço também vai funcionar a partir do Google Chrome em sua estreia. Para o futuro, a Google prepara a compatibilidade com mais meios e uma versão que não envolve o pagamento de mensalidades, mas limita a qualidade da imagem e som enviadas aos consumidores.
      

Fonte: XDA-Developers
  • Redator: Felipe Gugelmin

    Felipe Gugelmin

    Jornalista com 10 anos de experiência nas áreas de tecnologia e games, gosta de estar por dentro das últimas tendências e novidades. Dedica boa parte do tempo livre a jogar (representante da PC Master Race), mas também arranja um tempo para a vida social, leituras e dar passeiros com seu cachorro.

Qual melhor lançamento de game em outubro de 2019?

Últimas