Créditos: PC Gamer

Ninja teria recebido US$ 50 milhões da Microsoft para ser exclusivo do Mixer

Empresa faz aposta milionária para impulsionar sua plataforma de streaming

Tyler Blevins, o streamer de jogos conhecido como "Ninja", fez ontem sua primeira live como exclusivo do Mixer, a plataforma de streaming de vídeos de gameplay da Microsoft. Blevins fez sua fama jogando principalmente Fortnite no Twitch e se tornou um dos maiores do mundo. Por isso, para abandonar o Twitch e trabalhar exclusivamente no Mixer, o streamer teria recebido US$ 50 milhões da Microsoft. A informação veio de Tom Warren, repórter do The Verge, em um tweet:

"Por que a Microsoft pagou mais de US$ 50 milhões para colocar o Ninja no Mixer? Isso não é para vender consoles do Xbox. É uma jogada de plataforma para a xCloud, e a Microsoft precisa de tantos pontos de entrada pra ela quanto possível. A Google tem o YouTube + Stadia e a Amazon tem o Twitch. Microsoft tem Xbox + Mixer + xCloud."

A jogada, como explicado por Warren, faz sentido pensando a longo prazo. As gigantes estão investindo em oferecer não só os games, mas também o serviço para que os streamers façam os gameplays desses jogos. A Microsoft no momento está melhor posicionada com a parte de games do que a parte de streaming, enquanto a Google é o contrário, e as duas empresas estão se mexendo para preencherem seus espaços vazios, o que vai acirrar a competição direta entre as companhias.

A xCloud foi comentada durante a E3 2019 e espera-se que a Microsoft vai falar mais da plataforma durante a Gamescom deste ano, que se aproxima. Tudo isso leva a crer que a plataforma de streaming de jogos online vai ser uma aposta bem grande para a empresa a partir da sua próxima geração de consoles, a Project Scarlett, que deve chegar logo no ano que vem.

Blevins fez sua transmissão de estreia ontem, diretamente de Chicago, durante o festival Lollapalooza. O streamer jogo Fortnite e aproximadamente 80.000 pessoas acompanharam o gameplay ao vivo. Agora o tempo vai dizer se todo o investimento da Microsoft terá valido a pena.

Fonte: Eurogamer
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Half-Life veio, e é em realidade virtual. Agora embala os óculos de realidade virtual?