Ryzen 3000 possuem pouca margem para overclock manual, afirma engenheiro da AMD

Para quem acompanhou o lançamento e reviews dos processadores Ryzen de 3ª geração, notaram um certo desapontamento em relação ao overclock das CPUs, visto que a margem para subir os clocks acima do que o processador é projetado não é muito grande.

Análise - Ryzen 5 3600

Porém, está questão tem motivo e nome: Precision Boost. Respondendo uma dúvida de um usuário no Reddit, Robert Hallock, gerente de marketing técnico sênior da AMD, escreveu que por conta do algoritmo do Precision Boots 2, a AMD está extraindo o máximo que os chips Zen2 são capazes de desempenhar, assim, dando pouca margem para um overclock manual.

"Não tenho certeza do que você está perguntando. Nossa fórmula de boost é oportunista com base na corrente de VRM, potência de socket, temperaturas. Portanto: cargas de trabalho leves terão um boost maior e cargas de trabalho mais pesadas terão um boost menor. Este é o comportamento básico do Precision Boost 2 que descrevemos em novembro de 2017. Esta é a mesma fórmula de boost usada para todos os processadores da série Ryzen 2000: pico de 4.3GHz para threading leve, para cerca de 4GHz para todos os cores. Nenhuma mudança ano a ano em como o boost se comporta.

Se você está perguntando se todos os núcleos vão ou não atingir o clock de aumento máximo: não. Não fará isso nem jamais prometeu ou implicou isso. Temos sido muito claros por 1,5 anos que o comportamento do Precision Boost 2 é uma "curva" que tenta obter os núcleos carregados na maior frequência possível em relação aos limites acima mencionados. Mesmo com todos os núcleos carregados, o processador pode manter frequências que são centenas de MHz mais altas que a base.

O outro objetivo de nosso esforço de engenharia é maximizar totalmente o desempenho do produto. // EDIT: Projetando algoritmos que extraem automaticamente o desempenho máximo de silício (por exemplo, Precision Boost 2) sem pedir ao usuário para mexer ou arriscar sua garantia. Então, não, você não verá um monte de overclocks manuais. Isso é apenas o desempenho de uma pessoa comum - que não sabe como OC - não pode acessar. Por que faríamos isso? Não é nossa intenção deixar nada em cima da mesa.

É mais vantajoso habilitar o PBO, Infinity Fabric e fazer overclock na memória. Mas também isso é verdade nos Ryzen 2000."

Robert Hallock, gerente sênior de marketing técnico da AMD

Sendo assim, você só obterá um processador Ryzen 3000 com grandes margens para o overclock caso tire a sorte na loteria do Vale do Silício, e de que a AMD está dando aos seus consumidores o máximo que pode oferecer hoje. 

AMD explica como novo Precision Boost Overdrive 2 aumentará performance de CPUs Ryzen

Talvez no futuro, com o amadurecimento da fabricação de chips em 7 nm, a AMD possa aumentar seus clocks trazidos atualmente com seus processadores, fazendo a alegria dos entusiastas por overclock.

  • Redator: Pedro Henrique

    Pedro Henrique

Qual game da TGS você está mais ansioso?