Nvidia deve lançar as GPUs RTX Super na semana que vem [Rumor]

Os rumores sobre as placas de vídeo RTX Super já estão rolando há algum tempo, e, agora, o site Videocardz divulgou a suposta data de lançamento da próxima linha de placas de vídeo da Nvidia. Segundo a publicação, a empresa está preparando um evento para o dia 2 de julho, quando os novos hardwares devem ser introduzidos ao mercado formalmente.

De acordo com Videocardz, a Nvidia apresentará na próxima terça-feira os três modelos principais da nova linha, a RTX 2060 Super, a RTX 2070 Super e a RTX 2080 Super. O site também revelou que mais informações sobre os modelos customizados por fabricantes parceiras da empresa devem começar a aparecer a partir do dia 9 de julho, ou seja, dentro de duas semanas.


Imagem: Nvidia

Informações sobre o preço dos produtos não foram vazadas pelo Videocardz, mas rumores anteriores vindos do WccFTech mostraram os supostos valores sugeridos das novas placas de vídeo, que podem chegar custando algo entre US$ 429 e US$ 799.

As placas de vídeo RTX Super devem ser as GPUs que vem para suceder a primeira leva de placas de vídeo da Nvidia trazendo a tecnologia focada em Ray Tracing em tempo real. Segundo ressalta o TechPowerUp, a expectativa é que os novos produtos baseados na arquitetura Turing venham com versões personalizadas do chip TU102 e contem com 10% a 13% mais núcleos, além de mais quantidade de memória e com clocks mais altos.

Até o momento a Nvidia não comentou oficialmente sobre o assunto, logo, tudo deve ser considerado como rumor. Em maio, a empresa lançou um breve teaser indicando que algo "super" estava chegando, mas desde então não deu novidades concretas sobre o lançamento. Você está no aguardo de novos produtos da companhia? Deixe suas expectativas aí nos comentários!


Créditos da imagem de chamada: Videocardz

Fonte: Videocardz, TechPowerUp, WccFTech
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Meu nome é Mateus Mognon. Depois de viver 16 anos sem internet no interior de Lagoa Vermelha-RS, eu vim até Florianópolis com apenas um objetivo: sobreviver. Para isso, eu comecei a estudar Jornalismo na UFSC e trabalhar no Adrenaline, onde produzo conteúdos e notícias da forma mais ágil possível. Com pouco salário e muito trabalho, eu sou... O Antigo Estagiário (agora colaborador!)