Codemasters revela os requisitos de F1 2019; Seu PC vai rodar?

Cerca de 10 dias antes do lançamento de F1 2019, a desenvolvedora Codemasters atualizou a página do game na Steam e revelou seus requisitos mínimos e recomendados no PC. Segundo a listagem oficial, o jogo precisará de pelo menos 80 GB de armazenamento livre, ou seja, é melhor já ir preparando o HDD/SSD.

Na parte de RAM, o jogo requisita pelo menos 8 GB de memória, mas para aproveitar todo o potencial das corridas de F1 2019 é recomendado utilizar 16 GB. Abaixo, você confere os requisitos mínimos e recomendados do jogo de corrida.


Imagem: Codemasters/Divulgação

F1 2019 | Requisitos mínimos
Sistema operacional
: Windows 7, Windows 8, Windows 10
Processador: Intel i3 2130 / AMD FX4300
Memória: 8 GB de RAM
Placa de vídeo: Nvidia GTX640 / HD7750
DirectX: Versão 11
Rede: Conexão de internet banda larga
Armazenamento: 80 GB de espaço disponível
Placa de som: compatível com DirectX
Outras observações: Requer processador e sistema operacional 64-bit

F1 2019 | Requisitos recomendados
SO: Windows 10 64-bit
Processador: Intel i5 9600k / AMD Ryzen 5 2600x
Memória: 16 GB de RAM
Placa de vídeo: Nvidia GTX 1660ti / RX590
DirectX: Versão 12
Rede: Conexão de internet banda larga
Armazenamento: 80 GB de espaço disponível
Placa de som: compatível com DirectX
Outras observações: Requer processador e sistema operacional 64-bit

A edição deste ano do jogo oficial da popular competição de automobilismo é descrita pela Codemasters como seu projeto mais ambicioso de Fórmula 1 de todos os tempos. O título contará com um novo modo de carreira, novas opções de customização, melhorias e tudo que um jogo oficial tem direito, como nomes e produtos licenciados. A edição Legends também contará com corredores clássicos, como o brasileiro Ayrton Senna e Alain Prost.

Com lançamento marcado para 28 de junho, F1 2019 terá versões para PC, PS4 e Xbox One. Segundo a página na Steam, o jogo será totalmente localizado em português brasileiro.


Créditos da imagem de chamada: Codemasters/Divulgação

Fonte: Steam
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Meu nome é Mateus Mognon. Depois de viver 16 anos sem internet no interior de Lagoa Vermelha-RS, eu vim até Florianópolis com apenas um objetivo: sobreviver. Para isso, eu comecei a estudar Jornalismo na UFSC e trabalhar no Adrenaline, onde produzo conteúdos e notícias da forma mais ágil possível. Com pouco salário e muito trabalho, eu sou... O Antigo Estagiário (agora colaborador!)