xCloud chega em outubro e terá streaming de jogos do Xbox para qualquer dispositivo

Durante sua conferência na E3 2019, a Microsoft apresentou mais algumas informações sobre o xCloud, seu futuro serviço de streaming de games que promete dar uma ampla liberdade para a forma que o jogadores querem ter acesso ao conteúdo do Xbox. 

Nova geração do Xbox, Project Scarlett terá suporte a 8K, 120fps e Ray Tracing

O xCloud vai funcionar de uma forma muito parecida com a plataforma da Google, Stadia, mas vai contar com algumas particularidades bastante atrativas para seus jogadores. A ideia é que por meio do xCloud o jogador consiga fazer streaming da sua biblioteca para qualquer dispositivo e em qualquer lugar que ela esteja. Ou seja, os donos de Xbox One vão poder rodar os games em seu console e fazer uma transmissão para qualquer outro dispositivo que atenda as especificações de conexão necessárias, sem a necessidade de estar preso a uma rede local como o Steam Link.

O chefe da divisão Xbox, Phil Spencer, foi ao palco para falar que o serviço será gratuito à todos que tiverem o console, dessa forma haverá uma expansão no número de jogadores ao mesmo tempo em que a comunidade se une cada vez mais, já que esse recurso estará disponível para todos os jogos incluindo a biblioteca do Xbox Game Pass. Quem quiser assinar o serviço de forma independente para rodar os jogos nos servidores da Microsoft poderá pagar um valor para ter acesso ao serviço da mesma forma que o Stadia vai fazer, provavelmente apresentando alguns planos diferentes. Entretanto ainda não foi revelado quanto custará a assinatura a parte. 

O lançamento oficial do xCloud está previsto para outubro, mas o publico presente na E3 já está testando o serviço hoje mesmo, então em breve deveremos ter mais informações quanto a funcionalidade do serviço de streaming do Xbox. 


Créditos de imagem: Microsoft

Via: Mundo Conectado
  • Redator: Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro virou jornalista pelo amor aos games e o desejo de escrever seus próprios roteiros para jogos com nota máxima no Metacritic. Apesar de ter atuado como designer e desenvolvedor de jogos durante dois anos, a paixão pela redação o trouxe para "os bastidores", onde está adquirindo experiência e aprendizado nos mais diversos segmentos da tecnologia. E é dessa forma que pretende se tornar especialista na área e descobrir o que fazer quando os robôs começarem a dominar o mundo.

Qual vai ser o melhor lançamento de setembro de 2019?