Microsoft Flight Simulator ganhará novo game para Xbox One e PC em 2020

Por Carlos Felipe Estrella 09/06/2019 18:57 | atualizado 18/08/2019 11:34 Comentários Reportar erro

Os fãs de simuladores de voo ganharam um belo anúncio durante a conferência do Xbox na E3 2019 com a revelação de que em 2020 teremos um novo game da série Microsoft Flight Simulator. Segundo o trailer oficial, os jogadores poderão pilotar desde aviões mais leves até jatos de grande largura, dentro do mundo mais realista já criado dentro da franquia.

Fora isso, o trailer oficial divulgado durante a coletiva de imprensa ainda explica que o jogador poderá criar seu próprio plano de voo e ir para qualquer local do planeta. Ainda há a promessa de poder viajar durante o dia ou a noite e enfrentar condições climáticas realistas e desafiadoras.

De acordo com o site Eurogamer, o novo Microsoft Flight Simulator é impulsionado tanto por dados capturados por satélites como pela inteligência artificial dos servidores em nuvem Microsoft Azure. Como é possível ver pelo vídeo oficial liberado pela produtora, o resultado final do uso dessas tecnologia é um game com belos gráficos que chamam bastante a atenção.

O trailer oficial ainda exibe que o jogador poderá visitar localizações reais do mundo, incluindo monumentos históricos como as pirâmides de Gizé, no Egito, e o Obelisco Espacial de Seattle.

Microsoft Flight Simulator sairá para Xbox One e PC numa data ainda não confirmada de 2020, podendo ser jogado sem custo adicional desde o lançamento por quem possui a assinatura do Xbox Game Pass.

O último jogo da franquia, Flight Simulator X, foi lançado em 2006 com desenvolvimento do Aces Game Studio e distribuição do Microsoft Game Studios. Ou seja, os fãs da série estavam há 13 anos sem um game totalmente novo – para se ter ideia, na época o jogo fazia parte do infame serviço Games for Windows Live.

Via: Eurogamer
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Você se importa com a temperatura da série RX 5700?