10ª geração Core (Ice Lake): 18% mais IPC, 2x performance em AI

A Intel detalhou as novas tecnologias e capacidades de sua nova geração de processadores, a 10ª geração Intel Core, codinome Ice Lake. O grande destaque são saltos de performance em novos ciclos de trabalho, ganho de performance gráfica e também inclusão de novas tecnologias.

Na parte de processamento, os principais ganho serão em novas áreas como a inteligência artificial e aprendizado da máquina, onde a empresa promete salto de 2.5x. Em outras áreas há de ganhos de 2x , como na codificação HEVC em alta qualidade, e também importante evoluções em games em alta qualidade na resolução FullHD.

Na codificação de vídeos, o novo nível de performance possibilita codificar vídeo em 4K60fps 10b 4:4:4 ou 8K30fps 10b 4:2:0. Para os produtores de conteúdo, outra parte que recebeu melhorias é a inclusão da conexão Thunderbolt 3 com até 40Gbps de comunicação bidirecional por porta, aumentando em muito a largura de banda de comunicação através desse protocolo.

Os gráficos ficarão por conta do Iris Plus com até 64EU, com modelos mais modestos sendo equipados com Intel UHD. As frequências que podem chegar a 1.1GHz e mais de 2.25TFLOP de performance em precisão simples. A empresa não divulgou benchmarks específicos, mas na apresentação games como Fortnite e Dirty Rally 2 são mencionados. O suporte a monitores sobe para até 5K60fps ou 4k120fps, usando protocolos como DisplayPort 1.4 e BT.2020

Intel detalha os gráficos Gen11 do Ice Lake:
até 80% mais performance e Adaptive Sync

Na parte de performance, a microarquitetura recebeu atualizações relevantes, sendo que a inclusão de instruções AVX-512 é a principal novidade nesse segmento. Os novos núcleos Sunnycove introduzem diversos aprimoramentos, como ganho expressivo de memória cache, e entregam um ganho de IPC, performance por ciclo de processamento, na média de 18% de acordo com testes internos da Intel.

Como é comum na introdução de uma nova microarquitetura, a empresa está focando nos dispositivos móveis, com processadores da linha Intel Core i3, i5 e i7 com configurações de até quatro núcleos e oito threads Sunnycove.

Os processadores de 10ª geração estarão disponíveis inicialmente em notebooks e ultrafinos. A microarquitetura Ice Lake também já tem chegada anunciada nos produtos para servidores, com os primeiros modelos sendo comercializados em junho.

  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego colabora com a Adrenaline na produção de notícias e artigos na coluna "Vida Digital".