Vazamento da BioStar revela especificações do chipset X570 da série Ryzen 3000

Mais uma semana, mais notícias envolvendo os tão aguardados Ryzen 3000. Conforme nos aproximamos da Computex, mais informações sobre os novos produtos da AMD aparecem e ganham inúmeros rumores. Dessa vez um suposto vazamento da BioStar revelou não somente seu primeiro modelo de motherboard compatível com o chipset X570, mas todas as suas especificações também. 

Placas-mãe AM4 da ASRock recebem BIOS com suporte para CPUs AMD Ryzen 3000

Segundo o site VideoCardz, a fabricante de placas-mãe BioStar deixou “acidentalmente” vazar um PDF com informações do seu principal modelo Racing compatível com o soquete AM4 e o novo chipset X570, a BioStar Racing X570GT8. A primeira coisa que chamou a atenção foi o módulo VRM potente, que ajudou a ressaltar os rumores sobre as especificações dos processadores Ryzen 3000. A placa é alimentada por um conector ATX de 24 pinos e dois EPS de 8 +4 pinos e a entrada de energia é resfriada por dois dissipadores de calor. 

A placa é equipada com quatro slots PCIe (x16, x8, x4, x1), que devem vir com o novo padrão PCIe 4.0, além uma porta USB 3.1 Gen 2, uma USB 3.1 Gen 1 e quatro portas USB 2.0 - a compatibilidade com as tecnologias já havia aparecido em outro rumor. As informações também revelaram mais detalhes sobre os módulos de memória DDR4 que devem atingir frequências de até 4000 Mhz, vale lembrar que na semana passada outro suposto vazamento afirmou que os a plataforma poderia atingir até 5000 Mhz de frequência, com algumas opções na BIOS . Teremos que aguardar essa confirmação. 

Esse vazamento acaba “coincidindo” com a confirmação da motherboard MEG X570 da MSI, que vai revelar seus modelos durante a Computex 2019. O Evento acontece dos dias 28 de maio a 1 de junho. O que leva a pensar que os modelos da BioStar devem dar as caras por lá também. Nós estaremos cobrindo a feira e traremos maiores informações direto do evento.

Via: tomshardware, Guru3D
  • Redator: Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro virou jornalista pelo amor aos games e o desejo de escrever seus próprios roteiros para jogos com nota máxima no Metacritic. Apesar de ter atuado como designer e desenvolvedor de jogos durante dois anos, a paixão pela redação o trouxe para "os bastidores", onde está adquirindo experiência e aprendizado nos mais diversos segmentos da tecnologia. E é dessa forma que pretende se tornar especialista na área e descobrir o que fazer quando os robôs começarem a dominar o mundo.

O gameplay de Marvel’s Avengers mudou sua primeira impressão do jogo?