Criador não é convidado para celebração de aniversário de 10 anos de Minecraft

O criador do jogo Minecraft, Marcus "Notch" Persson, não foi convidado para a celebração de aniversário de dez anos de sua obra, de acordo com informações do site Variety. Segundo um porta-voz da Microsoft, atual detentora dos direitos do título, o motivo para a exclusão dele das comemorações foram seus comentários e opiniões proferidos através de sua conta oficial no Twitter.

Marcus Persson possui cerca de 3,7 milhões de seguidores no Twitter, mas tem se isolado profissionalmente ao proferir comentários racistas, homofóbicos e transfóbicos na rede social. Entre suas postagens, é possível ver pedidos para um "dia do orgulho heterossexual" e declarações de que "mulheres trans não são mulheres".

O representante da Microsoft ainda falou que as opiniões de Persson não refletem as da Microsoft ou as da Mojang e que também não são representativas de "Minecraft". Essa mesma pessoa ainda notou que o criador do game não está envolvido com o título desde que vendeu o estúdio e os direitos para o jogo em 2014 por US$ 2,5 bilhões (R$ 9,8 bilhões). Recentemente, uma atualização para Minecraft removeu textos na tela de carregamento que faziam referência a Persson.

O evento de comemoração de 10 anos do jogo acontecerá no dia 17 de maio em Estocolmo, na Suécia. De acordo com a Microsoft, ele servirá para olhar para o "passado, presente e o empolgante futuro da franquia que completa uma década de idade".

Via: Variety
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Os lançamentos problemáticos de games tem feito você evitar pré-compras?