Samsung anuncia conclusão do desenvolvimento de processos em 5nm EUV

Por Lucas Alvaro Araujo 16/04/2019 14:43 | atualizado 16/08/2019 18:44 Comentários Reportar erro

A Samsung Electronics anunciou nesta terça-feira (16) que seu processo de desenvolvimento da tecnologia FinFET (Fin Field Effect Transistor) de 5nm em EUV chegou ao fim. Segundo a sul-coreana, o desenvolvimento foi um grande sucesso e o resultado já está pronto para ser apresentado em amostras para seus clientes. 

Nvidia pode usar 7nm EUV da Samsung em sua próxima linha de GPUs em 2020

Em um comparativo com os processos de 7nm e 5nm, a tecnologia FinFET fornece um aumento de 25% na eficiência de área lógica e 10% no desempenho geral do processo, tudo isso tendo um consumo de energia 20% menor. Com o da litografia EUV é possível reduzir as camadas de máscara e substituí-las por padrões de camada de metal, proporcionando menos gasto energético e atendendo a demanda do mercado com produtos competitivos. 

Para conseguir uma pequena vantagem no mercado com sua tecnologia FinFET de 5nm, a Samsung vai reutilizar suas propriedades intelectuais em 7nm para ajudar seus clientes a migrar para o novo processo. Ou seja, os clientes que forem fazer uma migração para os produtos feitos no novo processo terão redução no custo, caso já façam o uso das tecnologias em 7nm.  

"Em resposta à crescente demanda dos clientes por tecnologias de processo avançadas para diferenciar seus produtos de última geração, continuamos nosso compromisso de acelerar o volume de produção de tecnologias baseadas em EUV".
Charlie Bae, vice-presidente executivo da Samsung Electronics

Em outubro de 2018 a empresa deu início a produção em massa de processos em 7nm EUV e forneceu a tecnologia aos seus clientes no começo do ano. Em seguida já começou o desenvolvimento do seu primeiro chip em 6nm em colaboração com outras empresas. 

Samsung divulga planos de começar produção em massa no processo de 3nm GAAFET em 2021

Com sua gama de processos produzidos na litografia EUV, a fabricante pretende expandir sua capacidade para a Samsung Foundry em Hwaseong, na Coréia do Sul, no segundo semestre. Assim, a implementação de sua tecnologia FinFET de 5nm em EUV deve começar em 2020, e vai disputar espaço no mercado com a concorrente TSMC

Via: Samsung, Mundo Conectado
Assuntos
  • Redator: Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro Araujo

    Lucas Alvaro virou jornalista pelo amor aos games e o desejo de escrever seus próprios roteiros para jogos com nota máxima no Metacritic. Apesar de ter atuado como designer e desenvolvedor de jogos durante dois anos, a paixão pela redação o trouxe para "os bastidores", onde está adquirindo experiência e aprendizado nos mais diversos segmentos da tecnologia. E é dessa forma que pretende se tornar especialista na área e descobrir o que fazer quando os robôs começarem a dominar o mundo.

Você se importa com a temperatura da série RX 5700?