The Walking Dead da Overkill é cancelado nos consoles e retirado da Steam

As coisas não estão fáceis para a franquia The Walking Dead nos videogames. Após o jogo de escolhas feito pela Telltale Games ter sido salvo da morte pela Skybound no ano passado, outro título inspirado nos quadrinhos de Robert Kirkman acaba de ser cancelado.

O jogo de sobrevivência cooperativo Overkill’s The Walking Dead, feito pela criadora de Payday, teve sua versão para consoles cancelada. Além disso, a edição do game que está sendo vendida para computador por meio da Steam também foi descontinuada. A página onde o título estava disponível já foi retirada do ar.

O fim prematuro do projeto aconteceu por causa do encerramento da parceria entre a publisher Starbreeze Studios e a Skybound Entertainment, empresa comandada pelo criador de The Walking Dead. Segundo um comunicado oficial, o jogo foi retirado do ar porque não atinge os padrões de qualidade esperados.

"Fizemos o nosso melhor para trabalhar com o Starbreeze e resolver muitos problemas que vimos no jogo, mas, no final das contas, o Overkill's The Walking Dead não atendeu aos nossos padrões nem a qualidade que nos foi prometida"
- Comunicado da Skybound

No comunicado, a empresa de Robert Kirkman também diz que lamenta ter decepcionado os fãs e entende o desapontamento com o jogo.

Apesar do jogo ter sido retirado da loja da Steam, os usuários que já compraram o game ainda poderão jogar, desde que os servidores permaneçam ativos. Em um comunicado, a Starbreeze disse que estava em discussões com a Skybound para entregar a segunda temporada de conteúdos para o game, mas ainda não temos novidades sobre isso.

Overkill's The Walking Dead foi revelado em 2014 no vídeo acima, que contou com a participação de Robert Kirkman. A proposta do game era trazer uma experiência de sobrevivência no mundo dos zumbis de forma cooperativa.

 

  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Half-Life veio, e é em realidade virtual. Agora embala os óculos de realidade virtual?