Adobe anuncia oficialmente o fim do Flash

A Adobe finalmente cedeu à pressão de basicamente todos os principais desenvolvedores de browsers e anunciou oficialmente o fim do Flash. A própria empresa já pediu que as pessoas abandonem a plataforma em 2015.

Os planos são de parar de atualizar a plataforma até o final de 2020. Porém, até lá, a Adobe disse que se compromete a "suportar o Flash até o ano de 2020".

Isso significa continuar distribuindo patches de segurança, mantendo a compatibilidade com novos sistemas operacionais e navegadores e até mesmo adicionar novos recursos e capacidades quando necessário.

O final do Adobe Flash não vem como uma surpresa a este ponto. A plataforma se mostrou insegura e ineficiente, especialmente após a chegada de competidores superiores como o HTML5 e WebGL.

Os principais navegadores já estão encerrando seu suporte ao Flash, como é o caso de Google Chrome e Mozilla Firefox. Até o próprio Microsoft Edge começou a bloquear o conteúdo com Flash por padrão a partir do Creators Update do Windows 10.

Via: Neowin Fonte: Adobe
  • Redator: Carlos Felipe Estrella

    Carlos Felipe Estrella

    Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Com esses adiamentos dos games...

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.