Jogos Olímpicos Tóquio 2020 terão medalhas feitas com smartphones reciclados

Além de ter a presença de Super Mario confirmada e Goku como embaixador das competições, os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 terão as medalhas olímpicas feitas de smartphones.

De acordo com a BBC, a equipe organizadora das Olimpíadas está solicitando para os japoneses doarem celulares e eletrônicos de pequeno porte antigos para serem reciclados e transformados nas 5 mil medalhas que serão distribuídas na competição.

"Um projeto que incentiva as pessoas do Japão a auxiliarem na criação de medalhas é muito bom. Os recursos da terra são limitados, então reciclar vai nos ajudar a refletir sobre o meio ambiente" 
- Koji Murofushi, diretor de esportes da Tokyo 2020

​O projeto tem como objetivo promover a sustentabilidade e reduzir custos. Com a iniciativa, o Japão estima que vai conseguir duas toneladas de ouro, prata e bronze. As caixas para coletar os aparelhos usados serão colocadas em em escritórios e lojas físicas de empresas de telecomunicação a partir de abril.

Olimpíadas Rio 2016 tiveram 3 incidentes cibernéticos por hora

Normalmente, as sedes das Olimpíadas compram os minerais para fazerem as medalhas de firmas de mineração. Como o Japão não possui grandes reservas minerais, a saída sustentável cortará gastos significativos.

Via: BBC
  • Redator: Mateus Mognon

    Mateus Mognon

    Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

Com esses adiamentos dos games...

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.