Novas imagens e prováveis especificações dos próximos smartphones da Google, o Pixel e Pixel XL

Estamos nos aproximando do evento da Google, e cada dia mais informações não confirmadas sobre os lançamentos vão surgindo na internet. De acordo com os rumores, serão dois aparelhos: o Pixel (codinome Marlin) e o Pixel XL (Sailfish). Até o momento, temos o vazamento da parte frontal do aparelho e imagens da lockscreen, as exibidas no topo desse post.

Segundo rumores, as especificações serão as seguintes:

Pixel

- Display: 5" 2560 x 1440 AMOLED
- Qualcomm Snapdragon 820
- RAM: 4GB
- Armazenamento: 32GB, 64GB
- Camera: 12MP traseira, 8MP frontal
- Bateria: 2770-mAh
- Conectividade: USB-C, Bluetooth 4.2, Wi-Fi, 4G LTE, 3G

Pixel XL

- Display: 5.5" 2560 x 1440 AMOLED
- Qualcomm Snapdragon 820
- RAM: 4GB
- Armazenamento: 32GB, 128GB
- Camera: 12MP traseira, 8MP frontal
- Bateria: 3450-mAh
- Conectividade: USB-C, Bluetooth 4.2, Wi-Fi, 4G LTE, 3G


Os novos Pixels trariam um sensor de digitais na parte traseira, e vem circulando informações sobre um painel em outro material em torno do sensor de digitais. como renderizado nas artes abaixo criadas pelo ilustrador 3D Simon Paturel, e com a área abaixo dele atuando como um touchpad.


Imagens conceituais

Essa é parte mais arriscada dos rumores: o Pixel usaria essa área quando a pessoa conectasse seu smartphone a uma tela via USB Tipo-C, em uma funcionalidade no estilo do Microsoft Continuum, onde o aparelho atuaria como um PC. Entraria em ação, nessa situação, uma versão do Android para desktops, o codinome Andromeda, muito semelhante ao que é usado hoje em Chromebooks.

Como destacamos, muitas informações ainda não foram confirmadas, e vamos descobrir tudo dia 4 de outubro, quando a Google marcou uma coletiva com a imprensa. Aí saberemos quais serão as novidades, sendo que além dos smartphones Google Pixels, também vem circulando rumores sobre um novo Chromecast.

Via: SlashGear
  • Redator: Diego Kerber

    Diego Kerber

    Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego atua no Adrenaline desde 2010 desenvolvendo artigos e vídeo para o site e canal do YouTube

Com esses adiamentos dos games...

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.