Casal de Detroit processa Niantic por causa de Pokémon GO

Cansados e se sentindo inseguros, o casal Scott e Jayme Dodich está processando a Niantic por ter colocado um ginásio e sete pokéstops próximos à sua residência em Pokémon GO. Segundo o casal, "centenas" de pessoas aparecem nas redondezas diariamente, pisando em seu jardim, olhando pelas janelas, e em alguns casos até xingando o casal quando pedidos para se retirarem.

Tudo isso seria porque os dois vivem em frente a um parque, o Wahby Park e, como os jogadores sabem, áreas públicas assim costumam ter bastante elementos do Pokémon GO. Ainda que seja possível pedir pra remover pokéstops através de um formulário, especialmente se for uma propriedade particular, não há garantias para a remoção e os Dodich acreditam que o processo devia ser o contrário: em vez de pedir à Niantic que remova o ginásio e as pokéstops das localidades, era a Niantic que devia ter pedido permissão aos proprietários antes de colocar.

E o ressarcimento não é baixo. O processo requer não só a remoção das áreas perto da residência dos Dodich, mas que a Niantic não coloque mais pokéstops em propriedades privadas ou próximas a elas. Além disso, eles exigem uma porcentagem das rendas do Pokémon GO para todos os residentes que foram expostos a esse tipo de problema e acabaram, sem seu consentimento, contribuindo para o sucesso e a popularidade do aplicativo.

Fonte: GameSpot
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Com esses adiamentos dos games...

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.