Acontece o primeiro acidente fatal envolvendo o piloto automático da Tesla

Por João Gabriel Nogueira 01/07/2016 10:17 | atualizado 09/08/2019 17:20 Comentários Reportar erro

Joshua Brown estava a bordo de seu Tesla Model S com a direção semi-autônoma ativada no dia 7 de maio quando um caminhão de 18 rodas fez uma conversão à esquerda na sua frente. Por causa da cor do compartimento de carga, o piloto automático do carro de Brown confundiu o caminhão com o céu e não desacelerou, enfiando o Model S embaixo da carroceria e matando seu motorista. Esse é, possivelmente, o primeiro acidente fatal registrado num veículo semi-autônomo com sua função de direção automática ativada.

A Agência Nacional de Segurança do Tráfego em Rodovias (NHTSA - sigla em inglês) anunciou que está ciente do acidente e já está conduzindo uma investigação preliminar para averiguar "o design e a performance de qualquer sistema automatizado de direção em uso durante o tempo da colisão". A Tesla postou hoje em seu blog uma carta reconhecendo o acidente chamada "Uma Perda Trágica", onde ela defende que seus sistemas são confiáveis e que a investigação da NHTSA é meramente para determinar "se os sistemas funcionaram de acordo com a expectativa". São 4 parágrafos de longo texto defendendo seus sistemas, onde inclusive se lê a frase:

"Nem o piloto-automático ou o motorista notaram o lado branco da carroceria do caminhão contra o céu brilhante, então os freios não foram usados". 

No quinto, último e menor dos parágrafos é direcionado os pêsames ao motorista e sua família. A carta pode ser lida na íntegra, em inglês, neste link

Apesar da Tesla muito ressaltar que seu piloto automático é até mais seguro do que dirigir sem ele, Clarence Ditlow, diretor executivo do Centro para Segurança Automobilística dos EUA, pensa diferente:

"Isso é um defeito claro e deveria haver um recall. Quando você coloca um piloto automático num veículo, você está dizendo para as pessoas confiarem no sistema, mesmo que tenha um aviso 'estilo advogado' para manter suas mãos no volante."

Brown era um grande entusiasta da nova tecnologia autônoma em seu Model S, inclusive tendo um canal no YouTube dedicado a mostrar o sistema. Elon Musk, o CEO da Tesla, chegou a tweetar sobre o conteúdo do motorista.

Fonte: CarScoops
Assuntos
  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Você se importa com a temperatura da série RX 5700?