Veja tablets com Tegra 2 em funcionamento

Durante o Mobile World Congress 2010, a NVidia também esteve presente, levando seu maior destaque do momento no assunto "mobilidade": os tablets, desenvolvidos por empresas parceiras, equipados com a sua nova geração de processadores Tegra.

O "Tegra 2" - como vem sendo chamado pela imprensa - ou "next generation Tegra" - como prefere a NVidia - permite reprodução de vídeo em 1080p, navegação rÁpida na Internet e compatibilidade com Adobe Flash Player 10.1, além de longa vida útil da bateria.

A grande vantagem com relação aos smartphones é a resolução, que pode ser até oito vezes maior. A velocidade de processamento também é superior. Segundo Paul Chen, representante da NVidia no MWC 2010, os novos Tegra são quatro vezes mais rÁpidos que a geração anterior, e até 10 vezes mais rÁpidos que os processadores de smartphones atuais. Paul afirma ainda que cerca de 50 dispositivos móveis equipados com Tegra 2 estão sendo desenvolvidos atualmente.

Os primeiros tablets equipados com o novo Tegra devem chegar ao mercado a partir do meio do ano, segundo Paul Chen. Mas, para ajudar a matar um pouco a ansiedade de nossos leitores, fizemos alguns vídeos experimentando os modelos em exibição no estande da NVidia no MWC. No primeiro, vemos um tablet ligado a uma TV digital, atuando como uma central portÁtil de mídia.

Neste vídeo, temos uma pequena demonstração de um tablet fazendo o papel de e-reader, utilizando o aplicativo Adobe Air, que permite ler e-books em linguagem Flash, fora do ambiente da web.

Neste último, plugamos o tablet a um teclado e um mouse, para demonstrar um pouquinho de seu potencial como "console" de games portÁtil. Os tablets são compatíveis com a famosa Unreal Engine, rodando games desenvolvidos a partir dessa tecnologia. No vídeo, temos o tablet operando na resolução 1024x600.

Em tempos em que o iPad é tão falado, os "tablets da NVidia" estão aí para mostrar que hÁ um cenÁrio competitivo se desenvolvendo quando o assunto é tablet. No entanto, enquanto os dispositivos não chegam ao mercado, nos resta ficar com as especificações oficiais do processador Tegra 2:

SUBSISTEMA DE PROCESSADOR E MEMÓRIA

  • Processador dual-core ARM(R) Cortex-A9 MPCore processor, até 1,0 GH
  • DDR2 32 bits LP, DDR2

PLACA DE VÍDEO NVIDIA DE CONSUMO ULTRABAIXO

  • OpenGL ES 2.0
  • Sombreado de pixels programÁvel
  • Vértices e iluminação programÁveis
  • 2 vezes a performance grÁfica 3D da geração Tegra anterior

MULTIMÍDIA DE ALTA DEFINIÇÃO COMPLETA

  • Codificação de vídeo 1080p H.264/VC-1/MPEG-4
  • Codificação de vídeo 1080p H.264
  • Suporte a formatos de Áudio de vÁrios padrões, inclusive AAC, AMR, WMA e MP3
  • Aceleração de codificação e decodificação JPEG atualizada

PROCESSAMENTO DE SINAL DE IMAGEM INTEGRADO

  • Suporte a sensor de câmera de até 12 megapixels
  • Recursos avançados de imagem (AWB, AF, AE, etc.)

SUBSISTEMA DE EXIBIÇÃO

  • Suporte real a monitor duplo
  • Resoluções mÁximas de exibição compatíveis:
  • HDMI 1.3 1080p (1920x1080)
  • LCD WSXGA+ (1680x1050)
  • CRT UXGA (1600x1200)
  • Saída de TV NTSC/PAL

Assuntos
  • Redator: Mauro J. Barreto

    Mauro J. Barreto

    Formado em Jornalismo pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL) em 2008, Mauro Barreto trabalha na redação da Adrenaline, em Florianópolis, desenvolvendo pautas, produzindo artigos, entrevistas e atualizando o site com notícias sobre os segmentos em que a Adrenaline atua. Também assina a coluna "Mundo Tech", onde comenta sobre assuntos relevantes do mercado de Games e Tecnologia. Até hoje é viciado em Street Fighter II e não troca seu iPod por nada.

Com esses adiamentos dos games...

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.