Microsoft anuncia o Windows 10, com interface que se adapta ao uso pelo toque ou pelo mouse

A Microsoft reuniu um grupo seleto de repórteres nos EUA para mostrar seu novo sistema operacional, que, inesperadamente se chama Windows 10. A empresa decidiu pular um numero porque (motivos) ele vai ser "a plataforma mais intuitiva jÁ feita" e serÁ lançada toda uma linha de produtos a vir com o sistema de fÁbrica como parte de "uma só experiência".

O beta do novo sistema operacional mostrado durante o anúncio, segundo o Engadget, é muito parecido com o que jÁ foi vazado até aqui. Mostrando uma interface que tenta "misturar" a familiaridade do Windows 7 com as funcionalidades do Windows 8. A Modern UI desapareceu, mas agora o menu Iniciar mostra os blocos do seu lado direito, trazendo uma busca direta na Internet (provavelmente pelo Bing) e por Apps direto na parte de baixo. E agora você pode usar atalhos do teclado e copiar e colar no prompt de comando

Interface automaticamente adaptÁvel 

O novo OS da Microsoft vai ter uma interface que se ajusta automaticamente para ter um uso otimizado pelo toque ou pelo teclado e mouse. Isso significa que o sistema vai detectar automaticamente quando hÁ um teclado e mouse conectados ou não e isso vai alterar sua aparência. A Modern UI vai aparecer como um "grande menu Iniciar" com um botão "voltar" na barra de tarefas para quem estiver usando o sistema no "modo touch", mas, quem estiver usando um teclado e mouse, vai ver uma aparência de desktop tradicional. Veja abaixo mais algumas imagens do "tech preview" do Windows 10.

A empresa vai continuar mostrando mais do seu novo sistema aos poucos nos próximos meses, como por exemplo durante a Build, sua conferência anual prevista para a próxima primavera nos EUA (entre março e maio de 2015). Amanhã, entretanto, o Windows 10 jÁ vai ser disponibilizado no Insider Program, uma "prévia" do sistema para beta testersA previsão é que a versão final do novo sistema seja disponibilizado no final de 2015.

  • Redator: João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira

    João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

Quem você acha que merece o GOTY do The Game Awards?