ANÁLISE: Kingston HyperX Predator 8GB DDR3 1866MHz

ANÁLISE: Kingston HyperX Predator 8GB DDR3 1866MHz

Recebemos da Kingston o kit de memórias HyperX Predator de 8GB (2x4GB) com clock de 1866MHz, CL9 (Referência: KHX18C9T2K2/8X - Latência de 9-11-9, 1.65V ). Esse kit promete ser uma boa opção para quem procura memórias com possibilidade de overclock ou para montar uma mÁquina gamer.

No Brasil, ele custa em média R$ 600; jÁ fora do país, é possível encontrÁ-lo por cerca de U$100.

Abaixo um vídeo da Kingston sobre a linha HyperX Predator: 

Especificações
Na imagem abaixo, temos as especificações do kit, que se destaca pela bons tempos de acesso:

É importante destacar que esse kit possui altura acima do padrão, podendo gerar limitação na hora de instalar dependendo do cooler utilizado no sistema. Seu comprimento é logicamente padrão de qualquer pente DDR3, 133,35mm. Mas a altura é de 53,90mm, bastante alta. Para base de comparação, um pente de memórias padrão tem 30mm.

Na imagem abaixo é possível conferir as medidas do kit.


Fotos
Abaixo uma série de fotos do kit analisado, que é composto por dois "pentes" de 4GB, ambos idênticos.

O acabamento é muito bom. Visualmente, diferente da geração anterior da linha Predator, que possuía a parte superior arredondada. Essa nova linha possui design com apelo mais gamer e visual um pouco mais bonito.

Como jÁ destacamos, ela é bastante alta, com certeza vai gerar limitação com coolers de alto desempenho que tem sua estrutura passando sobre os slots de memória. Caso tenha interesse em adquirir esse kit, recomendamos conferir seu cooler antes. Coolers BOX, aqueles que acompanham os processadores, normalmente não tem estrutura sobre os slots de memória, dessa forma não possui nenhuma incompatibilidade.


Na foto abaixo, vemos um pente de memória com altura padrão, também da Kingston. Reparem na grande diferença de altura entre os modelos. Diga-se de passagem, utilizamos esse mesmo kit para os comparativos de desempenho dessa anÁlise.

Nas fotos abaixo temos o kit jÁ encaixado no sistema, sobre uma placa-mãe GIGABYTE Z87X-OC com um processador Intel Core i7 4770K e cooler BOX.

{break::Info do Sistema, AIDA, MaxxMEM}Fizemos uma bateria de testes com aplicativos específicos para testes de memória, alguns mais genéricos, além de games, dando uma boa noção do desempenho do kit.

Antes de começarmos com os testes, temos as telas do CPU-Z mostrando o kit em seu clock padrão de 1866MHz(933 x 2).

Por se tratar de um kit com boa possibilidade de overclock, fizemos alguns testes nessas condições, colocando o kit trabalhando em 2000MHz e também em 2133MHz. No over para 2GHz mantendo a tensão em 1.65. JÁ em 2133MHz aumentamos para 1.67, visto que em alguns testes o sistema travava. Após essa mudança, não tivemos mais nenhum problema de estabilidade.

Abaixo, as telas do CPU com ambos os clocks. Em seguida, os testes de desempenho:

AIDA64
O aplicativo AIDA64 possui 4 testes de desempenho para memórias, sendo um de leitura, um de escrita, um de cópia e o último da latência. Dos quatro testes: nos três primeiros, quanto maior, melhor. JÁ quando se trata do teste de latência, quanto menor, melhor.

Seguem abaixo os resultados.


MaxxMEM
Outro bom aplicativo para testes de memória, na verdade bastante semelhante aos testes do AIDA64, é o MaxxMEM. Abaixo, os resultados das memórias sobre os testes desse aplicativo:


{break::Photoshop, x264, 3DMark e Games}Adobe Photoshop
O teste com o Photoshop consiste em aplicar o filtro "Extrude" em uma imagem de alta resolução. Abaixo os resultados:

x264 FULL HD
O benchmark x264 FULL HD consiste em testar o desempenho do sistema através de conversão de um vídeo em formato FULL HD. Abaixo os resultados sobre esse teste:

3DMark 11
O aplicativo de benchmark 3DMark 11 é nosso último teste com aplicativo antes dos testes com alguns games, sendo mais uma boa forma para ver o desempenho do sistema.

Aliens vs Predator
Abaixo o teste com o "Aliens vs Predator", game no estilo FPS baseado em DirectX 11.

Tomb Raider
Por fim, o desempenho sobre o game "Tomb Raider", reboot lançado em 2013 e também baseado em DirectX 11.

{break::Conclusão}O mercado de memórias é semelhante ao de outros hardwares, com grande variedade de marcas e modelos. A Kingston estÁ entre as marcas mais tradicionais e respeitadas do mundo quando falamos de memórias, sendo a linha HyperX Predator uma de suas mais famosas, que busca atrair quem procura modelos de alta qualidade aliado a desempenho e bom potencial de overclock.

O kit que analisamos, HyperX Predator de 8GB e clock de 1866MHz comprovadamente é um bom kit para quem procura um produto diferenciado, desde o acabamento ao resultado prÁtico. Em se tratando de desempenho, não deve surtir diferença para modelos semelhantes com mesmo clock, mas como mostramos nos testes esse kit se mostrou muito bem em overclock, chegando sem problemas a 2133MHz.

O lado negativo é que as memórias possuem dissipador alto, bem acima de modelos tradicionais. Com isso, gera limitação com uma série de coolers que tenham sua estrutura passando por sobre os slots de memória. Liquid coolers e coolers box não costumam ter limitações com kits de memória, mas uma série de modelos a "ar" para as mais variadas plataformas têm essa limitação. Então é bom ficar ligado nesse detalhe.

Outro porém é que esse kit de 8GB estÁ custando acima de R$ 650 (pesquisa feita dia 19/07/2013) na loja oficial da Kingston, preço bastante salgado, visto que o maior ganho de desempenho na maioria dos casos com altos clocks fica sobre plataformas com vídeo integrado. E como estamos falando de um kit diferenciado, poucos que pensam em comprar um produto desse porte vão usar o vídeo integrado. Mas fica a dica: memórias com clocks mais altos fazem bastante diferença no vídeo integrado das novas plataformas AMD e Intel, logicamente dependendo da aplicação. É possível encontrar kits com 16GB com clock de 1866MHz pelo mesmo preço. (Veja as opções na Kabum)

PRÓS
Excelente acabamento
Material robusto e resistente
Bom desempenho e bom potencial de overclock
CONTRA
Incompatibilidade com vÁrios coolers a ar de alto desempenho
Valor bastante alto
Assuntos
  • Redator: Fabio Feyh

    Fabio Feyh

    Fábio Feyh é sócio-fundador do Adrenaline e Mundo Conectado, e entre outras atribuições, analisa e escreve sobre hardwares e gadgets. No Mundo Conectado é responsável pelas análise de drones e alguns gadgets relacionados a fotos e vídeo, como Action Cams.