Shadow of the Tomb Raider não é um jogo leve, mas o PC Baratinho nada teme, e vamos tentar rodar esse game em uma boa qualidade! O jogo da Eidos Montreal tem se destacado pelos belos gráficos, então é hora de por as placas de vídeo "pra esquentar" tentando dar conta desse jogo!

Baixe o wallpaper desse episódio

Colocamos em ação placas de entrada tando da AMD quanto Nvidia, além de tentar a configuração que tem sem mostrada suficiente para muitos dos games testados até o momento, o que inclui o Pentium G4560 e 8GB de memória RAM.

Começando pelas placas mais de entrada, a GT 1030, mesmo a GDDR5, não tem performance pra dar conta do game em resolução HD e qualidade média. Apesar da média chegar a 30fps, em boa parte do trecho de testes ela rodou abaixo dos 30 quadros por segundo, sendo necessário baixar ainda mais a qualidade para tornar o gameplay viável. Já a RX 550 parece dar conta, segurando ao menos 30fps a maior parte do tempo, apesar de ter apresentado mais travamentos eventualmente.

Para colocar as placas RX 560 e GTX 1050, que costumam ser os modelos que entregam o nível de performance que buscamos no PC Baratinho, decidimos comparar também o desempenho em DirectX 11 e 12, vendo o impacto que usar a tecnologia mais recente traria para o desempenho.

Com as duas APIs tivemos situações diferentes. Apesar de em ambas as placas de vídeo a média de quadros ser superior em DX11, no caso da AMD há muita instabilidade quando rodamos na tecnologia mais antiga, comprometendo bastante a experiência de gameplay e fazendo ser muito melhor optar por DX12. No caso da Nvidia a situação é diferente: no trecho de testes, tanto a média quanto as quedas são melhores em DX11.

DX12 foi melhor para AMD, para a Nvidia se saiu melhor o DX11

A RX 560 se sai um pouco pior, e por isso não alcança a performance necessária para jogar em 1080p e qualidade média, caindo abaixo dos 30fps. A melhor alternativa é baixar a resolução para o 900p, algo que serve para manter a qualidade no médio e dá a margem de desempenho que faltava para cravar 30fps. A placa da Nvidia consegue 1080p@30fps na qualidade média, com oscilações muito discretas e que podem ser resolvidas desligando um filtro ou outro. Mas mesmo mantendo o pre-set no médio, mesmo os momentos que ela cai um pouco abaixo dos 30fps não é muito perceptível.

Com a GTX 1050 conseguimos 1080p/médio,
enquanto a RX 560 o indicado é ir para 900p

Ao longo dos testes deu para ver que rodando em 30fps a carga sobre o Pentium já é alta, o que torna inviável mirar em 60fps sem investir muito mais em processador além do inevitável upgrade necessário na placa de vídeo. Como esse game não tem modo competitivo, e é focado na campanha single-player, limitar a 30 quadros por segundo nos dá margem para subir a qualidade gráfica sem aumentar em muito o investimento necessário em hardware. E a qualidade gráfica fica em níveis satisfatórios até com a RX 560 rodando em 900p.

Então para rodar o game temos as seguintes especificações:

PC Baratinho em Shadow of the Tomb Raider (pesquisa feita no dia 27/09):

- CPU Intel Pentium G4560 - R$ 308
- 8GB (2x4GB) de RAM -  R$ 630
- Placa-mãe LGA 1151 - R$ 265
- Nvidia GeForce GTX 1050 2GB - R$ 725
- HD Seagate Barracuda 1TB - R$ 250
- Fonte de 430W - R$ 190
- Gabinete, monitor, teclado, mouse e licença do Windows reaproveitados de um PC velho - R$ 0

Preço total R$ 2.368

Antes mesmo que pergunte: não conseguimos abrir o jogo no PC da Crise. Não saiu de uma tela preta.

Dá para jogar em resolução FullHD e qualidade média travando em 30fps

Shadow of the Tomb Raider é um jogo bastante viável de ser jogado no PC Baratinho contanto que você mire em 30fps. Buscar os 60fps torna tudo muito difícil, exigindo muito mais investimento em placa de vídeo e até em processador para garantir estabilidade nessa taxa mais alta de quadros. A Nvidia levou vantagem, ficando bem próximo de cravar 30fps em qualidade média e resolução FullHD (as oscilações não são muitas, mas se preferir só baixar alguns filtros). Apesar de ter menos desempenho, a RX 560 não se sai tão mal e pode também alcançar 30fps reduzindo a resolução para os 900p.