O notebook Predator Helios 300 é um modelo gamer de alto desempanho da Acer. Assim como outros produtos que levam a marca Predator, esse é um modelo com configurações mais avançadas, diferente de caras mais modestos como os VX5 ou Nitro. Isso significa um upgrade da placa de vídeo para uma potente GeForce GTX 1060 6GB, além de processadores Intel Core i7.

Site oficial Predator Helior 300

Especificações do modelo testado:

- Placa de vídeo Nvidia GeForce GTX 1060 6GB GDDR5
- Intel Core i7-7700HQ
- 16GB de memória RAM
- Tela FullHD IPS LCD
- 1TB HD

Design
Compacto apesar do hardware potente

O Helios 300 traz um design que lembra um pouco o VX5, com acabamentos parecidos na tampa e em algumas laterais, além das saídas de ar. Como já reclamei na análise daquele notebook, a crítica acaba se aplicando novamente nesse: o visual é um tanto bagunçado, com uma mescla estranha de linhas, texturas e materiais ao longo do design. Também gostaria de encaixes um pouco mais precisos nos cantos, para dar um visual mais premium. Essas são críticas mais pessoais, e você tem as fotos para concluir o que acha do design do aparelho. Em favor dele, interessante o uso de metal em algumas peças, como o topo da tampa e também da base, algo que confere mais resistência ao conjunto.

 

Tirando o gosto pessoal da discussão, o design é funcional e se sai bem em seu amplo touchpad, teclado numérico completo retroiluminado e dentro do padrão ABNT-2. A tela usa a tecnologia IPS, algo bastante relevante para garantir bons ângulos de visão da tela e evitar distorções da imagem, e a resolução FullHD é suficiente para uma tela de 15.6". Ficou faltando bordas mais finas em torno da tela do aparelho, mas isso é algo que ainda está faltando em modelos gamers disponíveis no Brasil, que seguem em geral com esse porte mais parrudo.

O sistema de resfriamento fica evidente nas saídas na parte de trás, mas diferente do Alienware 15 R3 que testamos, que tem o mesmo chip GTX 1060, o Helios conseguiu manter um design mais enxuto. O resultado é que o Helios 300 pesa quase 800 gramas a menos, uma diferença considerável na hora de carregar um notebook, e também fica evidente a redução no tamanho quando colocamos eles lado a lado. Essa diferença também trás outros efeitos, mas isso fica para a parte de performance.

Na parte de upgrades, o design do Helios 300 tem como ponto positivo trazer duas portinhas fáceis de serem retiradas, bastando tirar alguns parafusos, e que dão rápido acesso às memórias RAM e também ao HD de 2.5", algo que facilita bastante atualizações de RAM ou um HD/SSD novo. O que não me agradou foi o acesso ao slot M.2. Assim como muitos modelos gamers, a placa-mãe conta com um slot para colocar um desses SSDs compactos, e assim você consegue manter o HD em um eventual upgrade. O problema é que é preciso retirar todos os demais parafusos e realizar o trabalhoso processo de retirar a parte inferior completa do notebook. Não é impossível, mas é um tanto mais difícil do que o procedimento que vejo em outros modelos como o Dell 15 Gaming e o Samsung Odyssey.

Performance
Capaz de encarar qualquer game em alta qualidade

 

3DMark Fire Strike

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

DX11, Fire Strike

OBS.:

  • Resultados em pontos calculados pelo aplicativo
  • Quanto MAIOR, melhor

[ 3DMark | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 6

Gigabyte GeForce GTX 1060 G1 Gaming 6GB
12356

Gigabyte GeForce GTX 1060 G1 Gaming 6GB
12356

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
11384

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
11384

Acer Predator Helios 300
10095

Acer Predator Helios 300
10095

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
9942

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
9942

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
6876

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
6876

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
6500

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
6500



Grand Theft Auto V

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, DX11, Pass 4, Ultra

OBS.:

  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Grand Theft Auto V | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Acer Predator Helios 300
104.0

Acer Predator Helios 300
104.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
99.7

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
99.7

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
82.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
82.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
80.7

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
80.7

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
72.0

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
72.0



The Witcher 3 Wild Hunt

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, DX11, Ultra

OBS.:

  • Quanto maior, melhor
  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultado do FPS médio

[ The Witcher 3 | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
64.0

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
64.0

Acer Predator Helios 300
54.0

Acer Predator Helios 300
54.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
53.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
53.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
36.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
36.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
34.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
34.0



Assassin's Creed Origins

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, DX11, Médio

OBS.:

  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Assassins Creed Origins | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
59

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
59

Acer Predator Helios 300
54

Acer Predator Helios 300
54

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
53

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
53

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
49

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
49

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
49

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
49



CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, Ultra

OBS.:

  • Performance no mapa FPS Benchmark

[ Counter Strike: Global Offense | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 6

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
204.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
204.0

Acer Predator Helios 300
194.0

Acer Predator Helios 300
194.0

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
155.0

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
155.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
145.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
145.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
135.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
135.0

Dell Inspiron Gaming 15 (2017)
132.0

Dell Inspiron Gaming 15 (2017)
132.0



CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, Ultra

OBS.:

  • Performance média no modo replay

[ DOTA 2 | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
121.0

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
121.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
106.0

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
106.0

Samsung Odyssey (Core i7)
104.0

Samsung Odyssey (Core i7)
104.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
103.0

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
103.0

Acer Predator Helios 300
101.0

Acer Predator Helios 300
101.0



Em performance, temos duas situações diferentes para analisar. Em games leves como e-Sports, todos os modelos gamers de nosso comparativo acabam se "embolando", algo evidente nos testes com Counter Strike Global Offensive e DoTA 2. Para esses casos o investimento adicional no mais potente Helios 300 não faz muito sentido comparado a outros modelos de entrada. 

Comparando games mais pesados tanto em CPU quanto GPU, a coisa muda de figura. O Helios 300 e o Alienware passam a se destacar, sendo que ambos vem equipados com o chip gráfico GeForce GTX 1060 6GB. Aqui, ambos se alternam na frente, com pequenas diferenças. Esses são notebooks feitos para jogar qualquer game em qualidade alta ou ultra e na resolução FullHD, e é em games como Assassin's Creed Origins e Witcher 3 que vemos situações que vale o investimento adicional no Helios 300. Outros modelos equipados com os chips GTX 1050 Ti têm que mudar a qualidade para o médio nesses games para manter uma boa taxa de quadros.

O Helios 300 tem performance para rodar qualquer jogo
(até os mais pesados) em FullHD e qualidade alta

Aqui retomamos aquela diferença de porte entre o Alienware e o Helios: importante destacar uma diferença em desempenho devido ao fator temperaturas. Em períodos longos de testes, o Alienware fica na vantagem pois consegue manter temperaturas mais baixas de operação, conseguindo manter maior performance. Esse efeito não surge em todos os casos: percebemos em games de uso muito intenso de CPU e GPU, onde o sistema de resfriamento é mais demandado. Em muitos casos esse delta entre as performances mal aparece. Dá para vocês verem essa diferença surgindo no trecho do vídeo abaixo:

Existe uma forma de contornar esse aquecimento. A Acer disponibilizou um aplicativo para fazer ajustes manuais de ventoinhas, e assim o usuário pode ativar a fan em altíssima rotação colocando em ação o modo CoolBoost. Isso baixa as temperaturas, mas o resultado é um aumento considerável no ruído das fans. Não é pouca coisa: ele chega a 50 dB, algo no nível dos modelos mais barulhentos que já testamos e ruidoso o bastante para tornar seu uso bastante irritante se você não estiver com fones de ouvido enquanto joga. Particularmente eu não habilitaria esse modo. Mesmo batendo os 80ºC, o chip gráfico está dentro das especificações da Nvidia e a perda de desempenho surge em apenas algumas situações. Melhor manter seu funcionamento padrão, que é até bem silencioso para os padrões de um notebook de alto desempenho, ou eventualmente ligar nesses momentos específicos de alta demanda em alguns jogos.

Aquecimento e autonomia
Sistema compacto de resfriamento tem seu impacto

Com um porte compacto e um hardware muito potente, o Helios 300 sofre os efeitos desse desbalanço. Em níveis extremos de uso, sua placa de vídeo pode atingir temperaturas bastante altas comparado a outros notebooks mais parrudos. Longe de ser um problema grave, já que as temperaturas mais altas ficam com boa margem abaixo dos 94ºC que é a temperatura mais alta indicada pela Nvidia para operação do chip GTX 1060. Se quiser saber mais sobre questões de temperatura, tem esse vídeo aqui.

Vídeo: Meu PC tá esquentando demais? Essa e outras dúvidas sobre as temperaturas do seu hardware

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

Rodando wPrime

OBS.:

  • Temperatura ambiente ou no máximo 25ºC
  • Medida em graus Celsius
  • Quanto MENOR, melhor

[ Temperatura (CPU) | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 6

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
88

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
88

Acer Predator Helios 300
89

Acer Predator Helios 300
89

Samsung Odyssey (GTX 1050+i7+8GB)
90

Samsung Odyssey (GTX 1050+i7+8GB)
90

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
92

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
92

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
93

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
93

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
97

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
97



CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

Rodando 3DMark (Fire Strike)

OBS.:

  • Temperatura ambiente ou no máximo 25ºC
  • Medida em graus Celsius
  • Quanto MENOR, melhor

[ Temperatura (GPU) | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
66

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
66

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
70

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
70

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
75

Avell G1570 Lite (GTX 1070 Max-Q design)
75

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
76

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
76

Acer Predator Helios 300
79

Acer Predator Helios 300
79



Na porção de CPU... bem, acho que a Intel é um caso meio perdido. Todos os modelos apresentaram aquecimentos em torno de 90ºC, o que mostra que todos vão acabar batendo "no teto" e tendo que controlar as frequências e performance para não superaquecer. Valeu, Intel. O jeito é esperar pra ver se a concorrência pode trazer algo mais interessante para esse campo.

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

Padrão modo Office - Bateria

OBS.:

  • Tempo medido em minutos

[ PCMark 8 | Acer Predator Helios 300 ] Hardwares Comparados: 5

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
389

Dell Inspiron Gaming 15 (GTX 1050 Ti+i7+16GB)
389

Samsung Odyssey (GTX 1050+i7+8GB)
232

Samsung Odyssey (GTX 1050+i7+8GB)
232

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
219

Acer Nitro 5 (GTX 1050Ti+i7+16GB)
219

Acer Predator Helios 300
219

Acer Predator Helios 300
219

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
173

Alienware 15 R3 (GTX 1060+i7+8GB)
173



A autonomia desse notebook no melhor dos cenários (uso leve com brilho de tela no mínimo) trouxe uma autonomia de 3h30min em nossos benchmarks, algo que não impressiona ao lado de modelos mais básicos de notebooks, mas que não é ruim dentro do contexto de notebooks de alto desempenho.

Tecnologias adicionais

Os principais diferenciais do Helios 300 são seu sistema de resfriamento, tanto em hardware quanto software. As duas ventoinhas utilizadas para resfriar CPU e GPU usam a tecnologia AeroBlade 3D, com peças em metal que unem um design ultracompacto com boa performance.

Outro destaque é o software PredatorSense, um aplicativo bastante simples e eficiente para mexer na operação das ventoínhas, deixando as fans mais agressivas para um melhor resfriamento e alta performance ou deixando mais lentas para os momentos em que você quer seu notebook mais silencioso. Sem dúvida é uma das interfaces mais claras e diretas que já vi em notebooks, e boas UI são raras em softwares para gamers, então a Acer está de parabéns.

AVALIAÇÃO:

Design

8

Tela

9.0

Performance

9.0

Autonomia

7.0

Preço

8.0
Conclusão

O Acer Predator Helios 300 avança mais em performance comparado a modelos do segmento gamer de entrada, mas ainda mantém um balanço interessante entre desempenho e peso. Mesmo equipado com uma GeForce GTX 1060, ele tem um porte parecido com os notebooks com chips GTX 1050 e 1050 Ti, resultando em um produto que ainda pode ser transportado sem maiores problemas. 

O Helios 300 traz chips mais potentes em um design ainda compacto

Esse formato traz um custo em performance. Sem um sistema mais robusto de resfriamento, mesmo a tecnologia CoolBoost da empresa não é suficiente para baixar as temperaturas em usos mais extremos, caso de games mais pesados em CPU e GPU, em que vemos temperaturas na casa dos 80ºC. Não é preocupante, afinal está rodando dentro das especificações das fabricantes (Intel e Nvidia), porém em alguns comparativos vemos notebooks com mesma configuração e resfriamentos mais imponentes mantendo uma performance melhor.

Mesmo com esse efeito negativo em algumas situações, em muito do tempo o impacto não é tão notável, e o ganho de desempenho optando por esse modelo comparado ao "pessoal das GTX 1050/1050 Ti" é notável. Se você quer jogar games mais leves, como eSports, não tem muito porque investir nesse aparelho, já que notebooks mais baratos como o Nitro 5, o Dell 15 Gaming ou o Odyssey já se viram bem com esses jogos. Agora, se você quer jogar games com gráficos mais pesados e não quer ter que reduzir a qualidade para o médio ou resolução 900p, o Helios 300 tem o fôlego adicional para aguentar essa carga.

Um dos fatores mais interessantes é o preço. Obviamente não dá para dizer que os mais de R$ 5,5 mil necessários para comprar esse modelo sejam baratos, porém é um dos menores valores que podem ser encontrados para adquirir um notebook com uma GTX 1060, e em torno de R$ 1 mil mais caro que um notebook com uma GTX 1050 Ti. Se você vai encarar games que precisam de mais performance no chip gráfico, esse custo adicional faz sentido.


PRÓS
  • Design compacto com uma GTX 1060
  • Tela IPS e teclado ABNT-2 retroiluminado
  • Preço bastante competitivo
  • Software prático para ajuste das fans
CONTRAS
  • Aquecimento em games muito pesados
  • Slot M.2 poderia ser mais acessível