Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

AndroidHardwareMobile

EXCLUSIVO: testes mostram a performance do Snapdragon 845 frente aos rivais

EXCLUSIVO: testes mostram a performance do Snapdragon 845 frente aos rivais






Share on Google+

Enfim tivemos a chance de conhecer a performance do novo topo de linha da Qualcomm, o Snapdragon 845, que deve equipar os principais smarpthones topo de linha do mercado. O vídeo está disponível no Mundo Conectado e mostra uma peça de engenharia operando com o system-on-a-chip (SoC) potente da empresa e compara pontuações obtidas por rivais como o A11 Bionic da Apple, presente no iPhone X e iPhones 8 e 8 Plus, e também com o antecessor Snapdragon 835, que está presente em muitos dos modelos topo de linha de 2017, incluindo Galaxy Note 8 e Moto Z2 Force.

[Rumor] Vaza lista com smartphones que devem trazer Snapdragon 845

O Snapdragon 845 possui 8 núcleos, sendo 4 baseados no Cortex-A75 de alto desempenho rodando a até 2.8GHz e 4 Cortex-A55 para eficiência rodando a 1.8GHz. Eles serão renomeados para núcleos Kryo 385, já que vão passar por customizações da Qualcomm. Outro novidade é o co-processador de imagens Hexagon 685 DSP, que chega para acelerar aplicações de inteligência artificial e aprendizado de máquina. Ele é 3 vezes mais poderoso que o Hexagon 682 do Snapdragon 835 e ainda suporta a API de redes neurais do Android 8.1 Oreo.

A GPU é a nova Adreno 630, que a empresa promete ser 30% mais rápida e 30% mais eficiente que o modelo da geração anterior. Ela ainda permite rodar até 2 displays de resoluções até 2400 x 2400 pixels e taxa de atualização 120Hz. Essas características vão beneficiar futuros produtos mobile de realidade virtual. Pensando em VR e em AR,o chipset já inclui sensores de rastreamento ocular, rastreamento de mãos e renderizações múltiplas. A Qualcomm coloca tanta ênfase nisto que chama a Adreno 630 de "subsistema de processamento visual". Para completar, o Snapdragon 845 permite a gravação de vídeos em 4K e HDR com sensores de até 32MP (ou dois na configuração de 16MP + 16MP) A expectativa é que a Qualcomm vá começar a enviar o chipset para as fabricantes no começo de 2018. O primeiro smartphone confirmado com esse SoC é o Xiaomi Mi 7.


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *