Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

PC GamesXboxPlaystation

CEO da PUBG Corp. quer seu game em todas as plataformas e tornar o título uma "mídia universal"

CEO da PUBG Corp. quer seu game em todas as plataformas e tornar o título uma "mídia universal"

02/01/2018 10:23 | | @joao_gan | Reportar erro

02/01/2018 10:23 | | @joao_gan | Reportar erro





Share on Google+

PUBG vai sair em todas as plataformas e virar filmes, séries, animações e produções da Netflix se tudo depender do CEO da desenvolvedora PUBG Corp, Chang Han Kim. Em longa entrevista para o site InvenGlobal, o executivo falou do enorme sucesso do jogo não só no PC, mas também no Xbox One, onde o game conseguiu um expressivo número de vendas no Early Access. Quando perguntado sobre lançar o título em outros consoles, Kim disse que há planos de ter PUBG em todas as plataformas, mas a versão para o Xbox precisa ficar pronta primeiro. Apesar de falar de "todas as plataformas", no entanto, o executivo se refere principalmente ao PS4, comentando sobre a PSN:

"Como o título vai ser exclusivo no Xbox One por um tempo, nós gostaríamos de focar em completar o PUBG no Xbox One por enquanto. Se tivermos a oportunidade, o objetivo final seria lançar o título em todas as plataformas.
Early Access na Steam ou Game Preview no Xbox One são como um pré-lançamento, então eles não têm uma restrição de qualidade. Entretanto, a PSN é bastante rigorosa com isso. Houve casos em que um jogo levou 6 meses ou mais para lançar mesmo quando ele já estava pronto. Nós ainda estamos no estágio de aprender sobre o ambiente de desenvolvimento do console e sobre o gosto de jogadores de console. Nós precisamos pensar em outras plataformas depois de avaliar e completar a versão do Xbox One primeiro.
"

Lançar seu game em todas as plataformas possíveis é uma ambição comum de muitas desenvolvedoras de games, mas o sucesso de PUBG não tem nada de comum e Han Kim sabe disso. É por isso que o CEO da PUBG Corp. pretende transformar a franquia numa "mídia universal", passando por e-sports, mas indo para as TVs e também para a tela do cinema, como ele falou em outro trecho da entrevista:

"Eu gostaria que PUBG se tornasse uma franquia de mídia universal baseada no jogo. Nós queremos participar de diversas indústrias, incluindo e-Sports, filmes, drama, desenhos, animações e mais. Na verdade, nós já recebemos algumas ligações amorosas de um número de desenvolvedores em Hollywood e na Netflix. Nosso sonho é criar uma nova cultura baseada em games, através de várias maneiras como essas, e ter a liderança nessa cultura."

A extensa entrevista pode ser lida na íntegra (em inglês) neste link.


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *