Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

IntelHardwarePC Games

Porque é necessário avisar que o Pentium G4600 é melhor que o G4560

Porque é necessário avisar que o Pentium G4600 é melhor que o G4560

18/09/2017 15:40 | | @kerberdiego | Reportar erro





Share on Google+

Diego Kerber

Vida Digital

Aqui no Adrena tem uma galera que se informa, compara especificações, destrincha gráficos de performance e vê em mais de um lugar as análises, afinal não dá pra se confiar em ninguém mais hoje em dia. Mas esse grupo é um nicho, e pra uma parcela considerável das pessoas a mensagem que chega é, no máximo, uma ou duas coisas sobre um produto.

Por isso a GTX 970 tem memória faltando. Os Galaxys explodem. AMD esquenta. O marketing das empresas tem poder, mas não chega nem aos pés do que um bordão emplacado pelo próprio público (e replicado por ele) é capaz, e algumas vezes nós da mídia temos nossa parcela de contribuição. Ainda não convenci ninguém que 14FPS são a taxa de quadros ideal pra se jogar (estou sendo sarcástico), mas nós e várias outras publicações convencemos a galera que o Pentium G4560 é a melhor opção de processador de baixo custo para jogos. E isso fez ele não ser mais a melhor opção de processador de baixo custo para jogos. Vamos por partes que vocês vão entender.

A história começa com o vídeo acima. Nós, entre vários outros canais de hardware, fizemos vídeos mostrando como o hyperthreading fez o Pentium rivalizar com o Core i3 como melhor opção barata para um PC Gamer. Obviamente ele tem suas limitações (e eventualmente tem a galera querendo combinar ele com uma GTX 1060, o que não acho uma boa ideia por esses motivos), mas para um PC de baixo custo ele é excelente.

O problema é que a fama fez a demanda por esse modelo pressionar o preço. O Pentium G4560 chegou a custar R$ 250 com direito a cupom de desconto para R$ 240 no episódio com Prey do PC Baratinho, porém hoje em dia tá difícil encontrá-lo por menos de R$ 350 na maioria dos varejistas online. Ainda mais impressionante que isso, a fama em torno desse modelo tem força o bastante para quebrar o line-up da Intel. Não estou falando da pressão que ele criou nos Core i3, estou falando da necessidade de avisar que o G4600 é um produto melhor que ele. Serião mesmo, tem acontecido:

Não estou tirando onda com a Terabyte ou com o vendedor no Mercado Livre. Acho inteligente colocar isso no anúncio porque realmente há muita gente buscando pelo Pentium G4560, e nem se dão conta que o G4600 é melhor que ele — e não raro está mais barato que ele. Sei bem o que os revoltados de plantão na internet estão pensando: vendedores mercenários brasileiros, tentando se aproveitar do hype e da desinformação. Mas, o mesmo acontece no exterior (pesquisa feita em 18/09):


Preços na Newegg


Preços na Amazon

Sim, acalma esse complexo de vira-lata. Mesmo no exterior, o G4560 está custando mais. Não tem como escapar da lei de oferta e procura, e nem mesmo um line-up organizadinho e com uma clara nomenclatura (maior é melhor) não sobrevive à pressão da demanda. Sempre é bom lembrar que lojistas e fabricantes de hardware não são instituições beneficentes com o objetivo de democratizar o acesso aos PCs Gamers. São empresas e não tem como fugir da lógica capitalista, até mesmo quando não há muita lógica ali.

Colocando em miúdos, para quem quer entender as vantagens de cada produto, fica assim:

Pentium G4600:

 Clock 0.1GHz maior (não é muito, mas ainda assim é melhor)

 Gráficos Intel HD Graphics 630 (melhor que o HD 610 do G4560)
 Custa menos

Mais fácil de achar em estoque

Pentium G4560:

  Todo mundo conhece como o CPU baratinho bom para jogos

Vocês podem ver mais comparativos das especificações nesse link.

Aqui cabe o espaço para o mea culpa. Nossas análises positivas do produto criaram essa aura em torno dele, e a alta demanda pelo produto criou uma inevitável inflação dos preços. Isso faz com que nossas impressões sobre ele fiquem defasadas, afinal o atual rei do custo benefício é o G4600, pois custa o mesmo ou até menos que o G4560. Mas quem acompanha nosso canal no YouTube sabe a luta que é produzir conteúdo em um mercado com tantas mudanças nos preços, e não raro a edição do vídeo está na metade e a realidade já é outra, tornando o conteúdo parcialmente obsoleto.

Por isso, fica a dica: sempre veja a data de publicação de um comparativo, confira se a realidade não mudou e também dê aquela rápida busca por produtos similares, pra ver como andam seus preços. E se a serie do PC Baratinho estiver encarecendo montar um PC Gamer, desculpa qualquer coisa.

Diego Kerber
Sub-editor

Twitter: @kerberdiego

Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego colabora com a Adrenaline na produção de notícias e artigos na coluna "Vida Digital".



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *