Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

Fim do Mistério: Hacker divulga especificações do Wii U

Fim do Mistério: Hacker divulga especificações do Wii U

30/11/2012 12:37 | | @Adrenaline | Reportar erro





Share on Google+

Um dos mistérios mais guardados da indústria dos consoles parece ter chegado ao fim hoje.
O hacker Marcan42 divulgou o que pode vir a ser as freqüências de operações e outros detalhes sobre o Wii U. Até então, os detalhes sobre sobre o vídeo game da Nintendo era guardado a “7 chaves”  pela companhia.  Apesar disto, muitos especialistas e desenvolvedores criticaram a nova geração de consoles da Big N, pelo fato deste ter um hardware “fraco”.

De acordo com Marcan42, o Wii U utiliza um processador PowerPC 750 com 3 núcleos trabalhando em 1,24Ghz (1,243125GHz para ser mais exato). Para quem não sabe, o PowerPC 750 – de responsabilidade da IBM –surgiu em 1997, sendo empregado no Gamecube em 2000, e em seguida em 2006 no Wii.

Obviamente que ao longo do tempo, a CPU foi refinada pela IBM. Em sua estréia no Gamecube, o PowerPC 750 (codinome Gekko) continha apenas um núcleo trabalhando em 486Mhz. Para o Wii, o processador (codinome Broadway) passou por melhorias, foi refinado (litografia passando de 180nm para 90nm), além de ser turbinado para 729Mhz.

Com o Wii U, a IBM modernizou a CPU - chamada de "Espresso". Agora entram em cena 3 núcleos, todos trabalhando em 1,24Ghz. Além disso – segundo Marcan42, o PowerPC 750 conta com mais memória cache on-board, além de outras melhorias e aprimoramentos, como é o caso do suporte a execução de fluxos de trabalho fora de ordem (out of order execution), recurso este, aliás, inexistente no Xbox 360 e PlayStation 3, além de um pipeline de execução bem curto.

Em relação ao chip gráfico, o Wii U é equipado com uma GPU Radeon da AMD, codinome “Latte”, trabalha em 550Mhz (549.999755Mhz para os perfeccionistas).

O lado curioso é que o chip gráfico é cerca de 5 vezes  maior que o processador (que tem área de apenas 33mm2). O uso de 32MB de eDRAM incorporado à GPU equivale, a grosso modo, uma Radeon com 320-400 Stream Processors. Ou seja, algo entre uma Radeon 5550-5570. Quanto ao processo de fabricação, especula-se que tanto a CPU quanto a GPU têm litografia em 45nm.

Ao que tudo indica, a manutenção do processador PowerPC 750 tem duas explicações plausíveis. A primeira, por questões custo, uma vez que a manutenção de uma arquitetura existente reduz custos tanto no que se refere no custo do projeto, quanto da CPU propriamente dito; e a segunda razão, refere-se a compatibilidade, visto que a utilização do mesmo processador do Wii original facilita o processo da retrocompatibilidade com o vasto catálogo de jogos do Wii.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *