Canal: Tecnologia



Siga a Adrenaline


Brand Channels


Colunas


Artigos


Enquete da vez

Começaram a aparecer os novos smartwatches. Qual te interessou?

Motorola Moto 360
39%
Smartwatch 3
24%
Samsung Gear S
11%
Ainda estou esperando outra opção
10%
Apple Watch
8%
LG G Watch R
8%

Ver outras enquetes


hardware categoria : hardware | 30.12.2010 / 19h30 | comentários : 0


Tamanho do texto:


VGA Chart 2010

autor: redacao

A terceira edição do VGA Chart da Adrenaline foi feita novamente por Fábio e Filipe, encarregados pelas reviews de placas de vídeo do portal. Abaixo, breve descritivo de ambos.

Fábio Feyh é sócio-fundador da Adrenaline, e entre outras atribuições, analisa e escreve com muita propriedade sobre hardwares e games. Com profundo conhecimento em hardwares de alto desempenho, é responsável pela maioria das reviews publicadas na Adrenaline relacionadas a placas de vídeo, memórias, processadores, placas mãe e demais hardwares que por ventura existam dentro de um PC.

Filipe Braga destaca-se pela quantidade de notícias postadas diariamente e pela relevância das mesmas. Um cearense extremamente simpático formado em Ciências da Computação e apaixonado por computadores e tecnologia em geral. Também participa de grande parte de reviews de hardware, especialmente placas de vídeo, processadores e placas mãe.

Placa de vídeo
Antes de começarmos o VGA Chart com as informações das empresas e das placas, além dos dados técnicos pertinentes ao artigo, vamos a uma breve introdução sobre “placas de vídeo”, a fim de esclarecer para os mais leigos no assunto a sua função.

Como o processador, a placa de vídeo vem se tornando um dos principais componentes de um computador, o que afeta diretamente o preço final, desempenho da máquina e funcionalidades que ela terá.

A placa de vídeo tem como principal função gerenciar o que será, e como será, apresentado na tela do computador, relacionado à parte gráfica mais especificamente. Isso quer dizer que uma placa de vídeo é a principal responsável pela qualidade da imagem e pelo bom desempenho do que for mostrado aos olhos do usuário.

Não são todas as aplicações que necessitam uma placa de vídeo potente, na verdade a maior parte delas não exige uma placa diferenciada. Inclusive, a grande maioria dos computadores vendidos hoje em dia possui chip gráfico integrado à placa-mãe, que é capaz de executar as principais funções relacionadas a vídeo, como visualização de filmes, rodar alguns jogos mais simples etc.

Já uma placa de vídeo off-board ou add-on (termos utilizados para uma placa de vídeo que se conecta sobre a placa mãe através dos slots PCI-Express ou AGP), possui mais capacidade do que uma integrada à placa mãe. Isso quer dizer que ela conseguirá rodar jogos com qualidade muito superior aos modelos integrados, sendo esse seu principal atrativo. Além disso, atualmente, esse componente vem avançando e assumindo outras funções, como controle de física, gerenciamento de renderizações até então feitas pelo processador, e por aí vai. Com isso, a placa de vídeo se torna tão importante quanto o processador em muitas aplicações, e não mais apenas em jogos como acontecia há pouco tempo atrás.


O mercado de placas de vídeo é dominado por duas empresas, NVIDIA e ATI, essa última, uma divisão da AMD. A seguir, iremos falar um pouco de cada uma dessas empresas.






Comentários (0) Assinar







ENVIAR NOTÍCIA POR EMAIL:Fechar
seu nome: seu e-mail:
enviar para: separar os emails por vírgulas
comentários:
Máx. 800 caracteres (restam 800 caracteres).



Facebook
YouTube
Twitter
Fórum
RSS