Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

InternetRedes Sociais

Após vídeos de assassinatos, Facebook vai adicionar 3 mil moderadores

Após vídeos de assassinatos, Facebook vai adicionar 3 mil moderadores







Nas muitas semanas, rolou muita polêmica por causa de vídeos de assassinato que ficaram por vários minutos ou mesmo horas no ar no Facebook. Para evitar que isso aconteça de novo, o CEO da rede social, Mark Zuckerberg, anunciou que a companhia vai adicionar novas 3 mil pessoas para a equipe de "operações da comunidade".

Esse time já tem 4,5 mil membros, que são responsáveis por analisar vídeos e outras denúncias de conteúdo em desacordo com as políticas do site. O caso relacionado a isso que ganhou mais repercussão foi um vídeo que mostrava um assassinato em Cleveland, nos EUA, e que ficou por horas no ar no Facebook.

O que piorou ainda mais a situação foi que, depois da companhia se desculpar e prometer melhor nesse aspecto, um vídeo de um assassinato de uma criança na Tailândia ficou na rede social por um ano inteiro.

"Se nós vamos construir uma comunidade segura, nós precisamos responder rápido", disse Zuckerberg. "Nós estamos trabalhando para fazer com que seja mais fácil de denunciar esses vídeos para que possamos executar a ação correta mais rapidamente — seja respondendo rapidamente quando alguém precisa de ajuda ou um post precisa ser deletado", completou.


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *