Todos sabemos a importância da placa de vídeo para a montagem de um bom computador para jogar, mas é sempre bom equilibrar seu PC com um bom processador. Mas... será que precisa mesmo?

Vamos testar o que acontece quando desequilibramos um sistema para games, e vamos recrutar boa parte "da tropa" para colocar isso em ação. Vamos usar o PC Baratinho, o PC dos Sonhos e nosso caçula, o PC "Custo x Benefício", para tentar entender como mudar o equilíbrio de placa de vídeo e processador influencia na qualidade do gameplay. Para tanto, vamos "ligar o shuffle" entre os nossos hardwares e embaralhar todo mundo. Depois vamos jogar e ver o que acontece!

Vamos embaralhar processadores e placas de vídeo do PC dos Sonhos, o Baratinho e o PC do Custo x benefício


PC Baratinho, PC Custo x Benefício e PC dos Sonhos

Os "embaralhamentos" usarão as seguintes specs:

PC dos Sonhos - Link para o artigo
- CPU Intel Core i7-6950X
- Gigabyte GeForce GTX 1080

PC "custo x benefício" - Link para o artigo
- CPU Intel Core i5-6400
- GPU PowerColor Radeon RX 470 Red Dragon 4GB

PC Baratinho - Link para os episódios
- CPU AMD FX-8300
- GPU PowerColor Radeon RX 460 Red Dragon 2GB

Vamos balancear as coisas um pouco, por isso todos os sistemas vão operar com 8GB de memória RAM em dual-channel. Também vamos definir usar o pre-set com qualidade alta nos jogos, para não punir demais as placas de entrada e intermediárias com configuração no ultra, nem sub-usar excessivamente o hardware em qualidade baixa. Em games com tecnologias proprietárias (como Hairworks no The Witcher 3, por exemplo) não serão ligados os recursos que as usam, para não gerar desequilíbrios em favor de AMD ou Nvidia.

Outra mudança foi um downgrade no PC dos Sonhos. Ele opera com um SLI de GTX 1080, mas o PC Baratinho não possui uma placa-mãe com suporte a mais de uma placa de vídeo. 

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, High

OBS.:

  • Quanto maior, melhor
  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultado do FPS médio

[ The Witcher 3 | ] Hardwares Comparados: 9

Core i7-6950X + GTX 1080
111.0

Core i7-6950X + GTX 1080
111.0

Core i7-6950X + RX 470
67.0

Core i7-6950X + RX 470
67.0

Core i5-6400 + GTX 1080
54.0

Core i5-6400 + GTX 1080
54.0

Core i5-6400 + RX 470
54.0

Core i5-6400 + RX 470
54.0

FX-8300 + RX 470
47.0

FX-8300 + RX 470
47.0

FX-8300 + GTX 1080
46.0

FX-8300 + GTX 1080
46.0

Core i5-6400 + RX 460
38.0

Core i5-6400 + RX 460
38.0

Core i7-6950X + RX 460
38.0

Core i7-6950X + RX 460
38.0

FX-8300 + RX 460
38.0

FX-8300 + RX 460
38.0



CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, Pass 4 - High

OBS.:

  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Grand Theft Auto V | ] Hardwares Comparados: 9

Core i7-6950X + GTX 1080
154.2

Core i7-6950X + GTX 1080
154.2

Core i7-6950X + RX 470
95.2

Core i7-6950X + RX 470
95.2

Core i5-6400 + GTX 1080
88.1

Core i5-6400 + GTX 1080
88.1

Core i5-6400 + RX 470
77.4

Core i5-6400 + RX 470
77.4

FX-8300 + GTX 1080
75.2

FX-8300 + GTX 1080
75.2

FX-8300 + RX 470
59.1

FX-8300 + RX 470
59.1

Core i7-6950X + RX 460
53.5

Core i7-6950X + RX 460
53.5

Core i5-6400 + RX 460
52.9

Core i5-6400 + RX 460
52.9

FX-8300 + RX 460
50.0

FX-8300 + RX 460
50.0



CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, DX12, High

OBS.:

  • Game baseado em DirectX 11 e 12
  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Hitman | ] Hardwares Comparados: 9

Core i7-6950X + GTX 1080
124.10

Core i7-6950X + GTX 1080
124.10

FX-8300 + GTX 1080
82.10

FX-8300 + GTX 1080
82.10

Core i5-6400 + GTX 1080
74.30

Core i5-6400 + GTX 1080
74.30

FX-8300 + RX 470
71.20

FX-8300 + RX 470
71.20

Core i7-6950X + RX 470
70.90

Core i7-6950X + RX 470
70.90

Core i5-6400 + RX 470
61.80

Core i5-6400 + RX 470
61.80

FX-8300 + RX 460
43.40

FX-8300 + RX 460
43.40

Core i7-6950X + RX 460
40.49

Core i7-6950X + RX 460
40.49

Core i5-6400 + RX 460
40.40

Core i5-6400 + RX 460
40.40



Há varias conclusões que são possíveis chegar baseado nesses benchmarks. A primeira é notar como a performance do processador influencia na quantidade máxima de frames que os sistema é capaz de chegar. Mesmo servindo o PC Baratinho e seu FX-8300 de uma poderosa GTX 1080, que está sobrando e muito para a configuração desses benchmarks, ela parece atingir um limiar não muito acima dos 60FPS em média, e mesmo com uma GPU poderosa, não consegue entregar mais. Mesmo o nosso menos modesto Core i5 sofreu restrições em quais taxas possibilitou para a 1080.

Mesmo com uma GTX 1080 sobrando, foi preciso um processador potente para aumentar a taxa de quadros

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, High

OBS.:

  • Quanto maior, melhor
  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultado do FPS médio

[ The Witcher 3 | ] Hardwares Comparados: 3

Core i7-6950X + GTX 1080
111.0

Core i7-6950X + GTX 1080
111.0

Core i5-6400 + GTX 1080
54.0

Core i5-6400 + GTX 1080
54.0

FX-8300 + GTX 1080
46.0

FX-8300 + GTX 1080
46.0



Também é bem interessante perceber como os desequilíbrios em CPU e GPU trazem resultados curiosos. Não importa qual processador usamos, quando a RX 460 está encarando Witcher em qualidade alta, aumentar a performance de processador não resolve. Quando a placa de vídeo não tem performance para ir mais longe, não adianta um processador mais potente.

Se a placa e vídeo não tem desempenho, CPU não faz milagre

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

1920x1080, Pass 4 - High

OBS.:

  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Grand Theft Auto V | ] Hardwares Comparados: 3

Core i7-6950X + RX 460
53.5

Core i7-6950X + RX 460
53.5

Core i5-6400 + RX 460
52.9

Core i5-6400 + RX 460
52.9

FX-8300 + RX 460
50.0

FX-8300 + RX 460
50.0



Isso funciona também para o lado da GTX 1080. Se colocarmos ela em seu limite, como por exemplo rodando novamente o teste com GTA V mas em qualidade ultra e na resolução 4K, temos um resultado já bem conhecido em nossas reviews de processador, e a falsa impressão que "qualquer CPU serve para 4K". Na realidade, com a alta resolução, o gargalo do sistema passa a ser a GPU, e as CPUs passam a não importar mais tanto se forem capazes de manter ao menos o mesmo ritmo da placa de vídeo:

CONFIGURAÇÃO PARA O TESTE:

3840x2160, Pass 4 - Ultra

OBS.:

  • Game baseado em DirectX 11
  • Resultados em FPS médio
  • Quanto MAIOR, melhor

[ Grand Theft Auto V | AMD Ryzen 7 1800X ] Hardwares Comparados: 13

Intel Core i7-4960X
62.1

Intel Core i7-4960X
62.1

Intel Core i7-6950X
62.1

Intel Core i7-6950X
62.1

AMD Ryzen 7 1700X
61.8

AMD Ryzen 7 1700X
61.8

Intel Core i7-7700K
61.8

Intel Core i7-7700K
61.8

AMD Ryzen R7 1800X @ Overclocked
61.7

AMD Ryzen R7 1800X @ Overclocked
61.7

Intel Core i7-5820K
61.6

Intel Core i7-5820K
61.6

AMD Ryzen 7 1700X @ Overclocked
61.4

AMD Ryzen 7 1700X @ Overclocked
61.4

Intel Core i7-5960X
61.4

Intel Core i7-5960X
61.4

Intel Core i7-7700K @ Overclocked
61.4

Intel Core i7-7700K @ Overclocked
61.4

AMD Ryzen 7 1800X
61.3

AMD Ryzen 7 1800X
61.3

Intel Core i7-6700K
60.6

Intel Core i7-6700K
60.6

AMD FX-8370
60.1

AMD FX-8370
60.1

AMD FX-9590
60.1

AMD FX-9590
60.1



Com isso em mente, é bom definir o que você almeja no seu PC gamer. Se vai investir pouco na placa de vídeo ou vai fazer ajustes para rodar o game a 30FPS, o investimento é bem inferior ao necessário para manter 60FPS, que por sua vez é consideravelmente inferior ao necessário para garantir mais de 60FPS em games intensos no uso de processador.

É importante escolher uma CPU capaz de manter a taxa de quadros que você deseja para sua GPU

Agora, um dos resultados mais interessantes que tivemos: somamos o preço do processador e da placa de vídeo, e usamos isso como base para verificar quanto custou cada frame obtido nessas múltiplas combinações. Nesses casos, desconsiderei o absurdo que é montar um PC com o Core i7-6950X e usamos o preço de um bom Core i7, que custa em torno de R$ 1,5 mil (o preço inclusive caiu para uns 1,2 mil após finalizarmos esses gráficos) e que entrega resultados próximos. Tivemos o seguinte resultado (multiplicamos o valor por 1000 para ficar acima de 0, e vocês podem ver a planilha e brincar com ela nesse link):

 

Os resultados são bem interessantes, mas vamos falar do "elefante na sala" primeiro. A segunda pontuação foi da combinação FX-8300+RX 470, o que mostra que é preciso ser sempre cético com esses gráficos que mostram relação entre preço e performance. O FX-8300 até fez um bom serviço empurrando a Radeon RX 470 ao longo dos testes, mas sabemos que nos momentos que "a coisa aperta", e usar essa combinação significa perder muito do potencial da placa de vídeo. Um exemplo é o benchmark do GTA V, onde a média foi 30% inferior comparado ao resultado do Core i5, e dá pra ver aqui na prática o que acontece nesse print:


Mesmo trecho com a RX 470

Gráficos de FPS médios por reais gastos tem essa falha porque desconsideram quedas, que acabam sendo minimizadas pelos momentos em que o jogo roda bem e faz a média subir. Outra falha é que números brutos não falam claramente de experiência. 20 FPS é o dobro que 10, mas não é duas vezes melhor jogar em 20 do que 10 quadros por segundo. Tanto um quanto outro são resultados ruins para se jogar.

Tirando essa combinação problemática "da roda", temos três constatações interessantes: 1) a combinação que forma o PC Baratinho (FX8300+RX 460) é a primeira colocada, 2) ela é seguida da combinação que forma o PC Custo x Benefício (Core i5+RX 470), tudo mostrando como sistemas "equilibrados" são melhores opções em termos gerais. E 3) quando analisamos apenas os resultados com a GTX 1080, é possível ver que mesmo com o investimento adicional, valeu a pena gastar em processador potente para possibilitar a ela atingir a alta taxa de frames que ela é capaz. Isso é muito importante para quem tem um monitor de alta frequência e pretende fazer uso de seu potencial de exibir muitos quadros por segundo.

Em uma situação mais realista de uso de uma GTX 1080, obviamente o gamer não vai colocar o jogo em Alta/1080p. Ela tem capacidade de manter acima dos 60FPS em configurações Ultra/QuadHD, e quando usada dessa forma a diferença de desempenho entre usar um Core i5 e um Core i7 é bastante reduzida. Então aí deixamos de recomendar uma CPU mais potente? Não.

Investir muito em GPU e economizar na CPU é desperdício

Quando você investe em uma GPU de alto desempenho, com preços que muitas vezes passam dos 2 mil reais, não faz sentido economizar uns 400 reais e deixar de comprar uma CPU potente e partir para uma intermediária. Mesmo tendo uma performance geral não muito distante, há momentos em que o Core i5-6400 apresentou quedas de desempenho abaixo dos 60FPS em trechos específicos, e foram totalmente causadas pelo processador, já que o mesmo trecho com o Core i7 as taxas se mantiveram muito mais altas. Considerando o quanto você desembolsou por uma placa de vídeo de alto desempenho, fica sem sentido ver parte de seu investimento "ir por água abaixo" por uma economia em outro componente que vai passar a limitar a capacidade de sua placa de vídeo.

É bom destacar que testamos games pesados e que tem um impacto relevante na CPU. Há franquias que fazem pouco uso de CPU, onde veríamos as diferenças entre esses processadores ser bem menos visíveis.

O desequilibrado e mais caro FX 8300+GTX 1080 tem médias piores que um Core i5+RX 470

Assim podemos concluir que em geral um processador e uma placa de vídeo equilibradas trazem melhores resultados considerando seu investimento. Apesar de custar menos, o balanceado Core i5 + RX 470 entrega uma média de quadros melhor que o desequilibrado e caro FX 8300 + GTX 1080. Lembrando que se na média a combinação desigual foi ruim, as diferenças são ainda piores se analisarmos os trechos específcios com as quedas mais notáveis por conta das limitações de CPU.

Por fim, quem está pensando em extrair o máximo de performance por real gasto, optar por placas de vídeo e processadores intermediários são a melhor pedida. A GPU pode até não aguentar a qualidade Ultra e a CPU pode passar uns apertos em games pesados ou mal otimizados, porém, em geral, vai dar pra jogar muito bem.