Adrenaline: Fonte de informação sobre Tecnologia e Jogos

AndroidAppleiPhoneSamsung

Apple perde mais da metade do seu mercado no Brasil em 2016

Apple perde mais da metade do seu mercado no Brasil em 2016

18/03/2017 12:10 | | @supermognon | Reportar erro





Share on Google+

De acordo com dados da consultoria Counterpoint, a Apple teve um 2016 difícil no Brasil. Uma pesquisa divulgada na Folha de S.Paulo mostra que a empresa liderada por Tim Cook perdeu metade do seu mercado no país, enquanto a concorrente Samsung teve melhora nas vendas.

Segundo os dados, a Apple tinha uma participação de 8,3% no mercado brasileiro em 2015, número que caiu para 3,8% no ano passado, uma queda de mais de 50%. Segundo a Counterpoint, a queda da venda dos iPhones está ligada ao alto custo dos aparelhos, que se tornam menos interessantes em períodos de crise econômica.

Por outro lado, empresas que apostaram em celulares mais baratos tiveram crescimento no país. A Samsung, que atua em todos os segmentos de preços, pulou de 40% em 2015 para 47% em 2016. Outra empresa que teve crescimento no país foi a Alcatel, que terminou o ano com uma participação de 5,5%, uma parcela maior do que a Apple.

Para a pesquisa, o fator de sucesso no país foi claro: "as fabricantes que ganharam espaço foram as que conseguiram oferecer celulares menos caros". 

Além de apontar o desempenho das marcas no mercado brasileiro, a Coounterpoint apontou que as vendas de smartphones caíram em 16% em 2016, também por causa da famigerada crise. No último trimestre do ano, no entando, houve uma recuperação de 15% em relação ao período anterior, o que traz boas expectatívas para o setor mobile em 2017.

 


Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Adrenaline. Se achar algo que viole nossas condições de uso, denuncie através do link de report de erro do conteúdo.

Comentários que não são pertinentes a discussão, com caráter ofensivo, com xingamentos etc., serão deletados sem aviso prévio e os usuários serão BANIDOS. Não iremos fazer análises de reclamações sobre banimentos, então pedimos a colaboração para evitar inconvenientes.

* Esse é um espaço de troca de conhecimentos e opiniões, use-o para esses propósitos *