Mobile

Huawei lança na CES 2013 o Ascend D2, smartphone com tela FHD IPS+ Super Retina de 5"

08/01/2013 22:24 | | @twitter







Além do Mate – considerado o smartphone com a maior tela do mundo (6,1 polegadas), a Huawei lançou ainda durante a CES 2013, o Ascend D2. 

O mais novo produto da linha Ascend de smartphones da companhia roda o Android 4.1, contando ainda com uma tela LCD FHD IPS+ 443 PPI Super Retina de 5 polegadas, CPU quad-core K3V2 (fabricada pela própria Huawei) de 1.5 GHz e uma câmera BSI de 13 MP. 

Com uma bateria de 3000mAh e as tecnologias proprietárias para a eficiência no consumo de energia da bateria Quick Power Control (QPC) e Automated Discontinuous Reception (ADRX), o Ascend D2 pode ficar ligado até seis dias em modo stand-by WCDMA.

“O Ascend D2 tem o estilo, o poder e o ótimo desempenho que você esperaria de um smartphone de alto padrão, mas com uma revolucionária tela FHD, inigualável qualidade de câmera e tecnologia de economia de energia para maximizar o seu prazer”, declarou Richard Yu, CEO do Huawei Consumer Business Group. 

O aparelho possui uma tela IPS Super Retina de 5 polegadas de resposta rápida e resolução de até 1920 x 1080, perfeita para a reprodução de vídeo full HD 1080. Com 443 PPI, o Ascend D2 fornece brilho e precisão de cor sem precedentes. Protegido por um vidro antirriscos Corning Gorilla, e com o IPX 5/4 resistente a água e poeira, o smartphone é forte o bastante para suportar o uso diário.

O D2 conta com uma câmera traseira BSI de 13 MP com tecnologia para captura de detalhes e sensitividade ISO superior a de outros smartphones desse segmento. O aparelho também possui função manual para o ajuste da temperatura da cor para fornecer uma experiência fotográfica de nível profissional.

A bateria de 3000mAh é otimizada para as tecnologias de economia inteligente de energia QPC e ADRX, ambas proprietárias da Huawei. Aproveitando os mais de 20 anos de experiência da companhia em telecomunicações, a tecnologia QPC reduz o consumo da bateria ao desligar automaticamente o circuito transmissor quando a transmissão de dados não estiver em uso. A sua tecnologia ADRX identifica e ajusta automaticamente o ciclo DRX com base no status da rede, reduzindo o consumo de energia durante o modo stand-by em mais de 20%. Além disso, a tecnologia proprietária de carregamento rápido da bateria da Huawei permite que o Ascend D2 seja totalmente carregado em 30% menos tempo do que outros smartphones sob as mesmas condições de eletricidade.

O ‘swift sharing’ do D2 torna mais fácil do que nunca o compartilhamento. Com uma conexão Wi-Fi, o upload de fotos, vídeos e outros arquivos é de duas a três vezes mais rápido no D2 do que em outros smartphones disponíveis no mercado. Sua função ‘super hands-free’ transforma o smartphone em um dispositivo portátil para o compartilhamento de conversas que recebe sons dentro de um raio de 1,5m. O aparelho também fornece suporte para gravações em estéreo e Dolby surrounding sound.

O Ascend D2 possui um design fino e elegante, com corpo em alumínio e armação de metal. Pesando apenas 170g e com apenas 9.9mm de espessura, o smartphone também terá uma versão produzida com tela de 4.7 polegadas. Disponível em branco e azul, o Huawei Ascend D2 estará à venda na China em janeiro de 2013 e no Japão no futuro.

Apesar de possuir fábrica no Brasil, não há no momento qualquer previsão se o aparelho chegará a ser comercializado no país.